Timber by EMSIEN-3 LTD
  • cmd outubro rosa
Terça, 09 Julho 2019 08:29

Bolsonaro exonera ministros para votar reforma da Previdência Destaque

Escrito por
Ministra Tereza Cristina deve ficar, porque suplente Bia Cavassa tem compromisso com a reforma Ministra Tereza Cristina deve ficar, porque suplente Bia Cavassa tem compromisso com a reforma Arquivo

Os ministros Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, e Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, foram exonerados nesta terça-feira (9) e voltarão à Câmara dos Deputados para votar a proposta de reforma da Previdência. As exonerações foram publicadas no Diário Oficial da União, mas, ainda na segunda (8) o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, havia antecipado que os ministros de Estado que têm mandato na Câmara dos Deputados seriam exonerados temporariamente para que eles possam participar da votação em plenário.

Além de Lorenzoni e Marcelo Álvaro, o governo conta com mais dois ministros com mandato na Câmara: Tereza Cristina (Agricultura) e Osmar Terra (Cidadania), porém, ainda não haviam sido publicadas essas exonerações. É certo que Osmar Terra não voltará à Câmara porque o suplente dele, o deputado Darcísio Perondi (MDB-RS), é favorável à reforma, o que também deve ocorrer com Tereza Cristina, já que a suplente Bia Cavassa (PSDB-MS) também tem compromisso com a reforma.

Onyx e Tereza Cristina são filiados ao DEM; Antônio é filiado ao PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro; e Terra é do MDB. Durante a votação na comissão especial da reforma da Previdência, PSL, MDB e PSDB votaram favoravelmente à proposta, repercute OGlobo.

  • kikao professor

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus