Imprimir esta página
Quarta, 12 Julho 2017 07:30

Justiça bloqueia bens de Olarte por superfaturamento em serviços

Escrito por

A Justiça decretou o bloqueio de bens do ex-prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), e da empresa Taíra Prestadora de Serviços investigados por suspeita de superfaturamento no contrato emergencial em torno de 140%. A notícia foi dada nesta terça-feira (11) pela TV Morena.

O empresário Milton Taíra disse que não foi comunicado oficialmente sobre a decisão liminar. Ele informou ainda que não recebeu pagamento pelos serviços na gestão Olarte e que, por isso, rompeu o contrato antes do tempo. O ex-prefeito não foi encontrado para se manifestar.

A empresa foi contratada para trabalhos como limpeza, sepultamentos, construção de gavetas e vigilância dos cemitérios Santo Amaro e São Sebastião. De acordo com a denúncia, em 2015, o ex-prefeito cancelou a licitação e fechou um contrato emergencial com a empresa Taíra. O prejuízo chegou a quase R$ 700 mil. A investigação durou um ano, segundo a reportagem.

Redação Douranews

Mais recentes de Redação Douranews