Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

A Secretaria municipal de Cultura apoia a Aduf (Associação dos Docentes da UFGD) na realização do “Bloco de Carnaval Aduf 2020”, que a associação dos professores da Universidade realizará na terça-feira (25) de carnaval, das 13 às 22 horas, na praça Antônio João, no centro de Dourados.

De acordo com o secretário de Cultura, Weslei Queiroz, “a administração municipal não está investindo nenhuma verba pública; está apenas sendo parceira na cessão de espaço público, no caso a Praça Antônio João, e no fechamento de algumas ruas”.

A programação prevê, das 13 às 15 horas, organização e montagem do trio elétrico na Rua João Rosa Góes, no cruzamento com a Gustavo Adolfo Pavel; das 16 às 17 horas, concentração de pessoas e trio elétrico com banda musical, ainda no mesmo cruzamento e das 17 às 19 horas o desfile acompanhado de trio elétrico.

Segundo os organizadores, uma banda musical vai acompanhar o percurso, partindo da Rua João Rosa Góes até a esquina com a Olinda Pires de Almeida, contornando e seguindo pela Avenida Presidente Vargas até o cruzamento com a Marcelino Pires, terminando na Praça Antônio João, onde a concentração permanecerá, com encerramento previsto para as 22 horas.

Comentário

O nome da ministra Tereza Cristina, do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) do Governo Jair Bolsonaro foi cogitado, como alternativa do Democratas, para disputar a sucessão presidencial em 2022. O nome dela foi lançado em recente encontro das principais lideranças do partido no Estado, pelo presidente da legenda em Mato Grosso do Sul, o vice-governador Murilo Zauith.

Ao cogitar essa hipótese, o presidente estadual do Democratas, que também é o secretário de Infraestrutura no Governo do tucano Reinaldo Azambuja, destacou o perfil da ministra à frente das negociações que projetam o Governo do Brasil no exterior.

“Ela ‘peitou’ o presidente Trump, dos Estados Unidos, quando esteve no Salão Oval do Governo norte-americano com o presidente Bolsonaro e foi desafiada a vender a produção de álcool brasileira para os EUA. ‘Vocês tem que comprar o nosso açúcar’, disse a nossa ministra, de pronto. Isso mostra o respeito que o Brasil hoje tem lá fora”, relatou Zauith. “Em 2022 você pode escolher, Tereza, se vai querer ser presidente, vice-presidente do Brasil, senadora...”, pregou o vice-governador sul-mato-grossense.

O Encontro Estadual do partido, realizado em Dourados, reuniu ainda outro ministro do Democratas no Governo Bolsonaro, o da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e serviu para anunciar a pré-candidatura do presidente do partido na cidade, deputado Barbosinha, à sucessão da atual prefeita, Délia Razuk (PTB). Mandetta, preferiu não comentar o ‘lançamento’ da candidatura da colega Tereza Cristina para o lugar de Bolsonaro. Ele deixou de concorrer à reeleição de deputado federal em MS para ajudar Bolsonaro a elaborar o projeto de Governo na área de saúde para o atual mandato. 

O vice-governador Murilo Zauith, que ocupa a função pela segunda vez [antes, foi vice do emedebista André Puccinelli] e que já foi prefeito de Dourados por seis anos, não esconde o desejo de disputar o Governo diante da hipótese, pré-anunciada, de que o atual governador cogita sair antes do cargo para concorrer ao Senado, ou a deputado federal, nas eleições de 22, o que favoreceria as pretensões do democrata. E o presidente do País já disse também que poderá disputar novo mandato daqui há dois anos.

 

Comentário

Uma das principais ações do vereador Mauricio Lemes (PSB), voltadas à proteção dos animais domésticos abandonados ou vítimas de maus tratos, é a proposta apresentada recentemente na Câmara de Dourados, com indicação à administração municipal pela construção de um abrigo para animas em situação de ruas ou maltratados.

O vereador justifica que a implantação de um local apropriado para receber principalmente cães e gatos é necessária, tendo em vista que a única área existente no CCZ (Centro de Controle de Zoonose) não comporta os inúmeros animais que são resgatados diariamente. “A preocupação deste parlamentar está relacionada com a Saúde Pública da nossa cidade”, justifica o documento.

Mauricio sugere que o novo espaço seja construído em anexo ao CCZ ou em outra área após realização de estudo técnico. A indicação foi encaminhada à prefeita Délia Razuk (PTB) com cópia aos secretários Celso Schuch (Governo), Marise Bianchi (Obras), Berenice Machado (Saúde) e à coordenadora do CCZ, Rosana Alexandre da Silva.

Outras iniciativas voltadas em defesa dos animais foram realizadas por meio do mandato do vereador Mauricio, como a lei que institui a Semana Municipal de Proteção, Bem-Estar e Adoção dos Animais no município de Dourados, a ser comemorado anualmente no dia 4 de outubro. Também apresentou no Legislativo, solicitação de recursos para a aquisição de um ‘castramóvel’, para auxiliar os atendimentos de castrações de cães e gatos realizados pelo CCZ, além do fortalecimento do CMPDA (Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais), em Dourados, garantindo em lei a maior representatividade das Ongs e demais órgãos em defesa dos animais.

Saúde

Durante sessão ordinária, o vereador Mauricio ainda apresentou indicação endereçada à prefeita Délia Razuk e à secretária municipal de Saúde, Berenice de Oliveira Machado Souza, que seja realizado no município um mutirão para consultas eletivas em diversas especialidades, entre elas, oftalmologia, cardiologia e ortopedia, entre outras. (Da assessoria)

Comentário

Comercial e Operário realizaram o jogo de número 191 pelo Campeonato Sul-mato-grossense, partida que terminou com a vitória do Colorado com direito a gol contra, no estádio Morenão. No primeiro tempo, o Comercial quase abriu o placar com Wallace, mas França, goleiro do Operário, defendeu. O Galo pressionou mais, mas a etapa terminou sem gols.

O Colorado voltou motivado do vestiário para o segundo tempo. Após 15 minutos, ambos os técnicos começaram a fazer alterações. Seis minutos depois, o Operário teve a primeira chance, mas Borges acertou na trave. No final, Matheus surpreendeu o Galo aos 39 minutos.

Conforme repercutiu o Correio do Estado, o Galo favoreceu o adversário nos acréscimos com um ritmo desnorteado de jogo. Ao tentar fazer um corte, Rhuan cabeceou e acabou aumentando o placar em favor do Comercial que subiu para a 7ª posição, ficando mais longe do rebaixamento, enquanto o Operário permanece em 3º lugar. O Águia Negra, de Rio Brilhante, segue na liderança, com 13 pontos.

Comentário

Depois de receber o recapeamento asfáltico, obra executada com recursos próprios do município, a Rua Cuiabá está recebendo agora a sinalização horizontal. O diretor presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Carlos Fábio Selhorst dos Santos, esteve no local verificando o andamento e a qualidade dos trabalhos que estão sendo executados pela mesma empreiteira que colocou a capa asfáltica.

“De acordo com as orientações da prefeita Délia Razuk, vimos acompanhar in loco o trabalho executado pela firma responsável e pudemos constatar que a qualidade do serviço é a desejada, garantindo assim mais segurança para todos que circulam por essa importante via de Dourados”, declarou Carlos Fábio. A pintura ocorre em todo o trecho recapeado e nas vias adjacentes e, onde houver necessidade, estarão sendo colocadas as placas de sinalização vertical.

Comentário

Técnicos da Semaf (Secretaria municipal de Agricultura Familiar) de Dourados visitaram os produtores que fazem parte do Projeto Maracujá Agroecológico, para orientar sobre as práticas de produção necessárias nesse momento que os maracujazeiros estão cheios de flores e formando a primeira safra de frutos. O projeto, desenvolvido junto com a Agraer e Embrapa, atende com suporte técnico 22 produtores que fazem parte do Projeto Maracujá Agroecológico, distribuídos em vários distritos rurais da Grande Dourados.

“Na última safra foram colhidas 22 toneladas de maracujá, enquanto a média nacional de produção do maracujá convencional, segundo dados da Embrapa que é o órgão responsável pela produção das mudas, é de 8 quilos por pé, o maracujá agroecológico cultivado em Dourados já bateu a marca de aproximadamente 30 quilos por pé”, afirmou o secretário de Agricultura Familiar Junior Bittencourt.

Conforme o secretário, a meta para a safra 2020 é colher mais de 30 toneladas. “Apoiar a produção de alimentos, e ampliar a parceria com os pequenos produtores rurais, é prioridade para a administração municipal”, finalizou o secretário.

Comentário

A UFGD vai realizar sexta-feira (28), em um projeto que envolve a Faind (Faculdade Intercultural Indígena), a FCH (Faculdade de Ciências Humanas) e a Fadir (Faculdade de Direito e Relações Internacionais), a aula inaugural do curso de extensão em Antropologia e Políticas Públicas para a Rede de Proteção às Crianças e Adolescentes Indígenas. O curso será de 180 horas, distribuídos em 20 encontros que acontecerão ao longo de 10 meses.

A proposta tem coordenação do técnico administrativo da Faculdade, Reginaldo Candado, e da professora Silvana Jesus do Nascimento (doutoranda na Universidade Federal do Rio Grande do Sul) e acontecerá no auditório do Ministério Público Estadual de Dourados, atendedo recomendação do próprio MPMS.

Nesse sentido, um convênio foi firmado com a Escola Superior do Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul, com o apoio da Funai e do Ministério Público Estadual de Dourados/MS. O curso é voltado aos profissionais indígenas e não indígenas da Rede de Proteção Social à criança e ao adolescente que atuam com os povos indígenas em órgãos governamentais e da sociedade civil dos municípios de Dourados e Laguna Carapã, mais especificamente Conselhos Tutelares, Serviços de Acolhimento Familiar e Institucional, equipes socioassistenciais do Ministério Público e do Judiciário, somando-se aos trabalhadores da Rede SUS e SUAS e indigenistas da Funai.

De acordo com os organizadores, essa proposta tem o objetivo de oferecer formação e qualificação jurídico-antropológica de agentes indígenas e não indígenas que já atuam nas comunidades indígenas, principalmente junto às crianças e adolescentes Guarani e Kaiowá, considerados os segmentos mais vulneráveis na questão desses direitos.

Segundo a coordenação, o curso de extensão também servirá para a compreensão das instituições municipais e estaduais do seu papel junto ao público indígena; para o reconhecimento e o respeito à particularidade histórica, cultural e social dos povos indígenas; para a redução da violação do Direito à Convivência Familiar e Comunitária de Crianças e Adolescentes indígenas no Sul de MS.

“É preciso recordar que o curso surge da necessidade de qualificação desses profissionais diante da demanda de atendimento para a população indígena e do registro de um número de acolhimento de crianças indígenas superior ao das não indígenas, sobretudo quando comparada à população desses municípios”.

Comentário

A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado deve analisar neste ano o projeto de lei que acaba com a obrigatoriedade de aulas teóricas e práticas para prestar os exames da carteira de motorista. O PL 6.485/2019, da senadora Kátia Abreu (PDT-TO), ainda aguarda relatório na comissão.

A proposta afetaria apenas as categorias A e B da CNH (a Carteira Nacional de Habilitação), correspondentes a motos e carros de passeio. Com o fim das aulas obrigatórias, a senadora espera tornar a CNH mais acessível, especialmente para a população mais pobre.

“Na maioria dos estados, o valor total para obtenção da CNH pode chegar a R$ 3 mil. Na composição de custos, o principal fator é a obrigatoriedade de se frequentar aulas em autoescolas, que equivale a cerca de 80% do dispêndio total”, escreve Kátia Abreu na justificativa para o projeto.

Outra medida do projeto para facilitar o acesso à carteira é o uso de parte do dinheiro arrecadado com multas de trânsito para financiar a obtenção da habilitação. Cidadãos em busca da primeira CNH nas categorias A e B ou pleiteando uma mudança de categoria com objetivos profissionais poderiam ser beneficiados.

As provas teóricas e práticas continuariam sendo exigidas. Se o projeto vingar, a preparação para elas poderá ser feita individualmente ou com a ajuda de instrutores independentes, uma atividade que passaria a ser autorizada. Esses instrutores precisariam se credenciar junto ao Detran do seu estado, ser maiores de 25 anos e possuir pelo menos três anos de habilitação na categoria que ensinam.

Comentário

Mesmo perdendo para o Puerto Cabello por 1 a 0 nesta sexta-feira (21), o Flamengo garantiu presença na semifinal da Libertadores sub-20 ao avançar como líder do Grupo A. As vitórias anteriores por 3 a 1 e 5 a 1 sobre Nacional-URU e Sporting Cristal, respectivamente, fizeram com que o Rubro-Negro entrasse em campo com vantagem.

Apesar disso, o Flamengo buscou a vitória durante todo o jogo. Começou a partida pressionando muito a equipe venezuelana, mas as investidas não surtiram efeito. Na segunda oportunidade que teve, o Puerto Cabello marcou seu primeiro - e único - gol da partida. Depois de cobrança lateral, a bola sobrou na área, e Martinez converteu.

O jogo continuou, e o Flamengo seguiu apertando e tentando criar jogadas. A pressão rubro-negra era tanta que já nos três primeiros minutos do segundo tempo o time já tinha batido dois escanteios. Mas não foi suficiente.

Mesmo com a derrota, o Flamengo ocupa a segunda das quatro vagas das semifinais da competição. O Independiente del Valle é o líder do Grupo C com seis pontos e dois gols de saldo. Na próxima rodada enfrenta o Jorge Wilstermann, lanterna do grupo sem nenhum ponto.

Comentário

O concurso 2.236 pode pagar um prêmio de R$ 190 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre neste sábado (22) em São Paulo. A aposta mínima custa R$ 4,50 e podem ser feitas até as 18 horas (de MS) em qualquer lotérica do país ou pela internet.

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em mais de 50 milhões.

Comentário

Página 4 de 1575

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus