Timber by EMSIEN-3 LTD
Segunda, 25 Maio 2020 08:21

No Dia da Indústria, setor comemora ações solidárias para conter pandemia

Escrito por

Desde o surgimento dos primeiros casos do novo coronavírus (Covid-19) em Mato Grosso do Sul, o Sistema Fiems, composto pelo Sesi, Senai e IEL, mobilizou-se para combater a contaminação da doença e também para facilitar as ações que diversas indústrias já adotaram e estimular a participação de outras nesse sentido. No Dia da Indústria, celebrado nesta segunda-feira (25), a Fiems demonstra que tem feito a diferença na luta contra essa doença mortal, contribuindo com a conexão entre Governo do Estado, prefeituras, indústrias, trabalhadores e população em geral para que todos possam colaborar e atender a demanda gerada pela pandemia mundial no território sul-mato-grossense.

As doações são todas colocados à disposição da administração pública estadual e municipal, que conhecem as necessidades da rede pública de saúde e faz a alocação das contribuições de acordo com as carências de cada área. Com essa união de esforços, essa verdadeira “indústria do bem” está contribuindo para amenizar os malefícios causados pela Covid-19 em Mato Grosso do Sul, beneficiando milhares de pessoas nos 79 municípios e, principalmente, salvando vidas preciosas.

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, ressalta a importância dessas ações que contribuam no combate à pandemia do novo coronavírus. “Neste momento, nós temos de nos mobilizar em todas as frentes no que for possível fazer através do Sesi, Senai, IEL e também por nós empresários e pela própria Fiems. É importante e estamos trabalhando incansavelmente para que cada um possa colaborar. Entendo que é um avanço qualquer ação hoje das nossas equipes para a ajuda nesse momento difícil”, pontuou Sérgio Longen.

As indústrias do bem

Em Mato Grosso do Sul, as empresas também têm feito o que podem para ajudar a sociedade no combate à Covid-19. A cervejaria Bamboa, localizada em Campo Grande, envasou gratuitamente, em embalagens PET de 2 litros, 270 mil litros de álcool 70°GL doados pelas indústrias sucroenergéticas do Estado para auxiliar as unidades de saúde. Já a indústria do vestuário Corttex, que tem unidade em Três Lagoas, doou 2 mil metros quadrados de TNT (Tecido não tecido) para a produção de 40 mil máscaras faciais.

A Eldorado Brasil Celulose, de Três Lagoas, entregou, para 11 municípios de Mato Grosso do Sul, 70 mil itens de proteção individual, higiene e alimentos. Os itens incluem EPIs (equipamentos de proteção individual), produtos de higiene e limpeza e cestas básicas, sendo 34 mil pares luvas descartáveis, 34 mil máscaras descartáveis, 29 mil pares de sapatilhas descartáveis, 2.975 litros de álcool gel 70%, 170 termômetros a laser, 220 litros água sanitária, 165 cestas básicas e 11 tablets.

Já a Suzano doou 43,2 mil litros de álcool 70ºGL para a Secretaria estadual de Saúde distribuir entre os cinco municípios da região leste, além de 15 respiradores e 80 mil máscaras hospitalares N95, que foram importados da China para Mato Grosso do Sul. Os respiradores atenderão as redes de saúde da Capital do Estado, onde a pandemia afeta um grande número de pessoas, e o município de Três Lagoas, que é referência no atendimento à saúde para 10 municípios da Costa Leste.

  • disk corona
  • unigran 150
  • Editais
  • Alems respeito

O Tempo Agora

  • mascaras
  • unigran novo

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis