Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

O Juventude AG, de Dourados, tem o apoio do Governo do Estado para representar Mato Grosso do Sul na Divisão Especial da Taça Brasil de Futsal, referente a 2020, que começa com o jogo de estreia às 18h30 (horário de MS) desta segunda-feira (15) contra a Associação Joaçaba de Esporte e Cultura (Ajec), de Santa Catarina, em Tubarão, cidade localizada a 142 quilômetros da capital Florianópolis.

A competição, organizada pela CBFS (a Confederação Brasileira de Futsal) começou neste domingo (14) e prossegue até o dia 20, com oito equipes, do Rio Grande do Sul, São Paulo, Santa Catarina, Paraná, Minas Gerais, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul e Amazonas. O torneio deveria ter acontecido em julho do ano passado, mas foi adiado em razão da pandemia da Covid-19.

A CBFS separou os times em dois grupos de quatro. O Juventude AG está no Grupo B, ao lado de Ajec-Joaçaba, de Santa Catarina; União Independente de Pais e Atletas de Foz Cataratas (Unipa), do Paraná e Unidos do Alvorada Esporte Clube (UAEC), do Amazonas. O Grupo A é composto por Associação Atlética Banco do Brasil – São Paulo (AABB-SP); Minas Tênis Clube (MG); Associação Recreativa Cultural Unidos do Cruzeiro (Aruc), do Distrito Federal e Associação Desportiva de Futsal Tubaronense (ADFT), de Santa Catarina.

O segundo confronto do Juventude AG será diante do Unipa/Foz Cataratas (PR), nesta terça (16), às 15 horas (de MS). A agremiação sul-mato-grossense encerra a fase classificatória contra o Unidos do Alvorada (AM), na quarta-feira (17), às 13h15 (de MS). A fase de quartas de final acontecerá na quinta-feira (18). Já as partidas da semifinal vão ocorrer na sexta-feira (19). O campeão será conhecido no sábado (20), às 9 horas (de MS).

Liga Nacional

Esta é a primeira vez que o Juventude AG disputa a Divisão Especial da Taça Brasil. A equipe douradense foi campeã da Segunda Divisão em 2018 e vice-campeã da Primeira Divisão em 2019. A temporada 2021 do time de Mato Grosso do Sul ainda inclui participação na Liga Nacional de Futsal, a principal competição brasileira da modalidade, feito inédito entre os clubes do Estado.

Comentário

Com quatro registros de [óbitos entre o sábado (13) e este domingo (14), Dourados amanhece a segunda-feira (15) com o registro da morte da ex-coordenadora da escola CAIC, no Residencial Terra Roxa, mais uma vítima da Covid-19. A professora Sandra Mara, uma pessoa que fez parte da educação de boa parte das crianças daquela região, morreu na noite deste domingo, conforme comunicado de amigos e familiares.

No sábado, um homem, residente de Dourados, com comorbidades, e que havia sido internado em hospital público no dia 26 de janeiro, testado para Covid com resultado positivo, teve o registro de óbito apontado no boletim da Prefeitura, depois que o exame de contra-prova confirmou o laudo inicial para o novo coronavirus que gerou o óbito no dia 9 deste mês.

Uma mulher, residente de Deodápolis, com comorbidades, internada hospital particular em Dourados no dia 17 do mês passado, também morreu vítima da Covid e teve o diagnóstico fatal registrado no boletim de sábado, após a morte ocorrida na sexta-feira (12) passada.

DOMINGO

Um homem, residente de Dourados, com comorbidades, que deu entrada na UPA no dia 16 do mês passado e foi imediatamente transferido para hospital público em Dourados, é uma das vítimas do boletim de domingo divulgado pelo Comittê de Gerenciamento da Covid-19 no Município.

Outro homem, também residente de Dourados e igualmente com comorbidades, foi internado em hospital público no dia 18 de janeiro e morreu no dia 23; o resultado só foi confirmado agora também por conta do resultado esperado da contra-prova ao diagnóstico inicial. E, uma mulher, de Dourados, com comorbidades, que foi internada na quinta-feira (11), morreu com a Covid-19 no dia seguinte.

No domingo, ainda, o boletim epidemiológico da Prefeitura de Dourados trouxe o óbito de uma mulher, residente de Itaporã, com comorbidades, que havia sido internada no hospital da cidade no dia 21 do mês passado, teve que ser transferida para Dourados no dia 23 e permaneceu hospitalizada até morrer no sábado.

Calendário da Secretaria de Saúde anuncia
força-tarefa para imunizar profissionais da área

vacinacao saude

NÚMEROS

Entre o sábado e o domingo, o boletim do Comitê da Covid-19 apresentou 183 novos casos positivos para a doença e 161 registros de pacientes recuperados, além dos quatro óbitos de moradores de Dourados e dois de outras cidades, internados na rede pública local. Nas últimas 24 horas foram registrados novos 24 casos positivos, 54 pessoas recuperada da doença e confirmado o óbito da servidora da Educação.

Dourados encerrou o domingo com 19.437 casos confirmados com o novo coronavírus, sendo que, desse total, 18.278 conseguiram se recuperar e 880 pessoas permanecem em tratamento domiciliar. O quadro de óbitos já aponta 241 vidas perdidas desde o início da pandemia. Todos os leitos de UTI estavam ocupados com pacientes acometidos da doença no final de semana.

Comentário

O Juventude AG já está em Tubarão,no interior de Santa Catarina, onde realiza os últimos preparativos para a estreia na disputa da Taça Brasil de Futsal, edição 2020, a primeira competição do clube na temporada. A delegação, formada por 14 atletas e cinco membros da Comissão Técnica, chegou na cidade sede da competição neste sábado (13), depois que todo o elenco foi testado negativo na repetição do teste para a Covid-19 realizado antes da viagem.

O torneio começa neste domingo (14), mas como a estreia do time douradense acontece na segunda (15), o técnico Lucas Chioro aproveitou a folga na tabela para movimentar os jogadores e, consequentemente, fazer o reconhecimento na Arena Prefeito Estener Soratto da Silva, onde a competição será disputada. Esse foi o último treino antes do jogo contra o Joaçaba-SC.

Adversários e jogos

O Juventude AG está no Grupo B, agora formado por AJEC Joaçaba-SC, UNIPA-PR e Unidos do Alvorada-AM. O Grupo A tem AABB-SP, Minas Tênis Clube-MG, ARC Unidos do Cruzeiro-DF e o Tubarão Futsal-SC. A primeira fase servirá para definir a posição dos times nas respectivas chaves e definir confrontos.

Segundo a Confederação Brasileira de Futsal (CBFS), isso foi feito para que os participantes possam realizar mais jogos. “O objetivo principal da CBFS no fomento da modalidade e intercâmbio técnico dos clubes envolvidos”, diz a nota da entidade nacional.

Os douradenses estreiam nesta segunda, às 18h30 (MS), contra o Joaçaba. Na segunda rodada, na terça (16), às 15h (MS), o adversário é o UNIPA. A primeira rodada termina na quarta-feira (17) e o JAG joga contra o Unidos do Alvorada, às 13h15 (MS). A fase de quartas de final acontece na quinta-feira (18), os jogos semifinais na sexta (19) e a decisão no sábado (20).

Comentário

A Secretaria municipal de Saúde criou uma Central de Agendamento para organizar e melhorar o fluxo de pessoas que estão procurando as unidades de Saúde de Dourados para agendar a vacinação contra o novo coronavírus. O serviço começa a funcionar nesta segunda-feira (15) às 7h30, primeiramente para os profissionais da saúde que atuam na linha de frente da Covid no município.

Profissionais de saúde que se encaixam no perfil de prioridade e que tenham mais de 60 anos podem fazer o agendamento por meio de três telefones instalados na Central: (67) 9.8468-8089, 9.8468-8259 e o 9.8468- 8399. Pelo cronograma da Secretaria de Saúde, serão agendados 10 profissionais por hora, por medidas de biossegurança.

Os agendamentos começam pela manhã, mas a vacinação inicia apenas na parte de tarde, das 13 às 16h30 desta segunda-feira. Na terça (16) e quarta-feira (17), a vacinação será das 7h30 às 11 e das 13 às 16h30. A vacinação para os profissionais será no Centro de Convivência do Idoso 'Andrés Chamorro', na rua Cafelândia, 770, no Jardim Água Boa, ao lado Centro Esportivo 'Jorjão'.

Já a vacinação aos idosos será retomada na manhã de quinta-feira (18) também pelo mesmo sistema de agendamento via Central. Os telefones para marcar são os mesmos. A orientação é que idosos e familiares comecem a fazer os agendamentos de quarta-feira em diante. O critério de prioridade continua sendo o mesmo: primeiramente idosos acima de 90 anos e acamados acima de 80. As doses serão aplicadas conforme disponibilidade em estoque até que chegue um novo lote para o município.

A criação da Central de Agendamento, segundo o secretário de Saúde, Frederico de Oliveira Weissinger, é para melhorar o atendimento à população e organizar o fluxo administrativo das vacinas. Ele afirma que recebeu reclamações de pessoas que estavam enfrentando dificuldades para fazer o agendamento. “Diante disso, decidimos fazer uma redefinição no sistema de agendamento para melhorar o serviço”, disse o secretário.

Agendamento

O agendamento acontece por uma série de motivos, entre eles, para que não haja desperdício de doses das vacinas; para melhorar o processo de imunização de idosos acamados e, também, para que não aconteça aglomeração. Importante ressaltar que o estoque de vacinas é limitado, já que depende do envio do Ministério da Saúde, via Plano Nacional de Imunização, observa o secretário.

Comentário

90 pessoas foram flagradas na 'festinha da covid' da madrugada deste domingo (14), depois que a Guarda Municipal foi acionada para acabar com rolê que acontecia na madrugada do sábado (13) na região do bairro Monte Sião, na saída para o distrito de Panambi, onde 60 pessoas foram apreendidas. Desta vez, a operação, realizada por volta das 2 horas da madrugada, envolveu as equipes da Força Tarefa na região do Residencial Green Ville. Os participantes da festinha começaram a fugir em alta velocidade em seus veículos e outros correndo a pé pelos terrenos baldios,ao avistarem as viaturas.

Durante as abordagens, os 90 presos foram informados da infração ao artigo 268 do Código Penal: “Descumprir medida sanitária para contenção de pandemia”. Foram lavrados 25 autos de infrações, e recolhidos sete veículos irregulares. Também foram flagrados quatro condutores embriagados e seis que não eram habilitados. No local foram flagrados adolescentes, várias caixas de bebida alcóolica e porções de maconha. Um micro-ônibus da Guarda Municipal e um ônibus da Prefeitura foram usados na ação para transportar as pessoas detidas até a Delegacia de Polícia Civil.

festinha

Força Tarefa recolheu farto estoque de bebidas e ainda encontrou drogas na 'festinha da covid'

Uma adolescente tentou mentir para as Conselheiras Tutelares, tentando se passar por outra pessoa, apresentando um documento que não era seu. Ela vai responder pelo ato infracional previsto no artigo 308 do CP: “Apresentar documento alheio”. A Guarda ainda teve que disponibilizar mascaras de proteção e álcool 70% aos participantes da 'festinha', como forma de prevenção à Covid-19.

Contaminação

Durante toda a pandemia, 38 guardas municipais já foram infectados pelo novo coronavírus, uma taxa de 20% de infecção três vezes superior à que afetou o pessal da Secretaria de Saúde, que está em torno de 7%.

A Força Tarefa envolve agentes da Guarda Municipal, Polícia Civil e Militar, da Agetran e os fiscais do Juizado da Infância e Juventude e Conselho Tutelar de Dourados . A Operação 'Carnaval sem COVID19' vai continuar com rigor na fiscalização em toda cidade de Dourados, priorizando o cumprimento ao toque de recolher e visando conter a aglomeração de pessoas.

Comentário

Aproximadamente 60 pessoas foram encaminhadas para a Delegacia de Polícia e 17 veículos foram apreendidos, entre motos e carros e até um caminhão tanque que era usado como palco de dança, depois de flagrados entre eles 16 adolescentes em mais uma das ‘festas da covid’ organizadas clandestinamente em Dourados, em flagrante desobediências às normas de saúde estabelecidas para conter a pandemia da Covid-19.

Após vários vídeos circularem nas redes sociais mostrando a realização clandestinas das 'festinhas de rua’, com dezenas de pessoas colocando em risco a vida das pessoas em meio à pandemia da Covid-19, veículos realizando manobras perigosas e desafiando as autoridades públicas, uma "Força Tarefa" realizada com a participação da Guarda Municipal, Polícias Militar e Civil, Agetran, fiscais do Juizado da Infância, Conselho Tutelar e da Procuradoria do Município, entrou em ação para impedir as aglomerações sejam nas ruas ou nos comércios durante o feriadão na operação "Carnaval sem Covid19".

A noite desta sexta-feira (12) foi movimentada no sentido de tentar inibir essas irregularidades, com rondas de fiscalização no comércio e outros locais que descumpriam as medidas sanitárias e o toque de recolher.

tanque festa

Até caminhão tanque caiu na festa e foi parar no pátio do Detran na madrugada

Mas foi durante a madrugada deste sábado (13) que as equipes da Força Tarefa flagraram e colocaram fim à "Festa de Rua" com a prisão de dezenas de pessoas e veículos, que descumpriam as medidas sanitárias, estando aglomeradas ingerindo bebida alcoólica na via pública, escutando som em elevada altura perturbando o sossego público e até mesmo alguns veículos realizavam manobras perigosas.

As equipes interromperam ‘festinha da covid’ que acontecia por volta das 3 horas desta madrugada na região do bairro Monte Sião. O evento clandestino, apesar de realizado na rua, gerava perigo de contaminação das pessoas pela Covid-19, e a perturbação do sossego público denunciada por moradores do local mobilizou a Força Tarefa.

Com a chegada da Guarda Municipal, Polícia Militar, Fiscais do Juizado da Infância, da Agetran e do Conselho Tutelar, várias pessoas que participaram do evento tantaram fugir correndo pelo matagal, ou com veículos em alta velocidade pelas vias públicas.

Dezenas de pessoas e até adolescente foram abordados, dezenas de veículos que estavam no local também foram checados. Durante a abordagem foram encontradas várias garrafas de bebida e muita sujeira provocada pelos participantes na rua, além de veículos em situação irregular. Todos foram presos e encaminhados para a Depac (a Delegacia de Polícia Comunitária) e os veículos irregulares apreendidos foram recolhidos ao pátio do Detran.

Continua

Visando impedir as aglomerações e os descumprimentos das medidas sanitárias as ações de fiscalização da Forca Tarefa irão continuar por todo feriado de carnaval e ações necessárias como essas serão realidade em prol da sociedade e da redução da propagação da pandemia da Covid-19 que tem ceifados vidas, relata o Subcomandante José Rubens, da Guarda Municipal de Dourados.

Comentário

A partir deste mês (fevereiro de 2021), A aplicação das doses do Palivizumabe, medicamento indicado aos bebês prematuros que necessitam desse tratamento para prevenir doenças respiratórias provocadas pelo vírus sincicial respiratório (VSR), passa a ser feita, a partir deste mês, na PAI (Policlínica de Atendimento Infantil) de Dourados. O atendimento deste mês está agendado para os dias 22 e 26, no horário das 12 às 18 horas.

Desde 2014, por força de uma Portaria da Secretaria estadual de Saúde, o HU (Hospital Universitário) da Universidade Federal da Grande Dourados é o responsável pela oferta e administração dessa medicação, pelo fato de que o Município, à época, não dispunha de estrutura adequada para o atendimento específico do público infantil.

A PAI está localizada na rua Frei Antônio, 1706, no bairro Terra Roxa (ao lado da UPA). Para o atendimento, é necessário apresentar o encaminhamento e toda a documentação, inclusive o laudo para solicitação do Palivizumabe. A administração do remédio não requer ambiente hospitalar, embora demande acompanhamento médico, acrescenta o informe do HU. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3410-3075, com as enfermeiras Rosana ou Suelen, na PAI.

Comentário

Durante a terceira sessão ordinária, realizada nesta sexta-feira (12), a Câmara de Dourados aprovou, em primeira votação, o projeto de lei complementar, de autoria do Poder Executivo, que altera dispositivos na Lei complementar 329 de 18 de abril de 2017, relativo a estruturação organizacional da Prefeitura de Dourados.

A proposta, que ainda precisa ser apreciada em segunda votação para seguir para a sanção do prefeito Alan Guedes (PP), altera o artigo 47 da Lei Complementar, descentralizando os processos licitatórios, atualmente executados pela Secretária de Fazenda. Com a mudança na legislação, parte dos procedimentos licitatórios vão passar a ser feitos na competência da Secretária municipal de Administração, como já ocorre em outros organismos da gestão pública.

Também em primeira votação, foram aprovados os dois projetos de autoria do vereador Mauricio Lemes (PSB), que tratam da mudança de nomes de ruas e o do vereador Fábio Luís (Republicanos), que institui o Programa ‘Cidade Verde’ no município. E, por fim, o Projeto de Lei apresentado pela vereadora Lia Nogueira (PP), que inclui no Calendário Oficial do Município, a Semana de Prevenção de Acidentes do Trabalho na Construção Civil. (Com assessoria)

Comentário

O empresário Paulo Skaf, presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) distribuiu nota no começo da noite desta sexta-feira (12), lamentando o falecimento do ex-governador de São Paulo, Paulo Egydio Martins.

“Empresário e homem de longa trajetória na vida pública, destacou-se por transformar a infraestrutura do estado de São Paulo, com modernas rodovias que viraram referência no Brasil, e também por obras fundamentais como o Instituto do Coração (Incor), o Hospital Universitário da Universidade de São Paulo (USP) e Universidade Estadual Paulista (Unesp)”, desta Skaf.

De acordo com o dirigente classista, o legado de Paulo Egydio para o estado e o para o país “é incontestável”.

Comentário

O vereador Fabio Luís (Republicanos) encaminhou ao Poder Executivo uma indicação de investimentos no Hospital da Vida, principal unidade de urgência e emergência da macrorregião de Dourados. O local, que é porta-aberta para o SUS (Sistema Único de Saúde), apresenta estrutura precária que expõe pacientes e servidores a risco iminente de acidentes estruturais e proliferação de infecções e insetos.

Logo após a posse em janeiro deste ano, o parlamentar visitou o HV e constatou um cenário de abandono. “É evidente a ausência do Poder Público a cada corredor, sala ou setor que a gente vai adentrando no Hospital da Vida”, afirmou. A indicação do republicano, apresentada na sessão ordinária da Câmara no dia 8 de fevereiro, pede reforma na estrutura física para melhoria do atendimento, aquisição de insumos hospitalares e o controle efetivo dos estoques da unidade.

Durante a visita ao HV, Fabio ouviu relatos de servidores que demonstram alguns pontos de atenção para a administração municipal, tais como: reforma de paredes, pisos, tetos, portas e batentes que, prejudicadas por infiltrações e ausência de manutenção, tem exposto pacientes e servidores ao risco de infecções por fungos e bactérias.

Outro ponto importante é a reestruturação da rede elétrica, evidentemente deficitária, e dos hidrosanitários. “É inaceitável que servidores e usuários utilizem um banheiro sem qualquer condição de dignidade humana. Isso jamais seria plausível em uma unidade particular, porque toleramos dessa forma o abandono das nossas unidades públicas?”, questionou o vereador.

Em imagens coletadas durante a diligência na unidade hospitalar, Fabio ainda registrou fotos e vídeos de móveis e entulhos acumulados em áreas externas, facilitando o surgimento de insetos e agentes transmissores de doenças. Durante a sessão do dia 8, Fabio Luís fez questão de ressaltar a relação entre a crise financeira da Funsaud diante de um cenário tão precário do Hospital da Vida. A Fundação dos Serviços de Saúde é responsável por gerir a unidade e a UPA (Unidade de Pronto Atendimento).

“Se ainda tivéssemos um serviço de qualidade, uma estrutura acolhedora e bem cuidada, mas não. Não temos. Não faz sentido a Funsaud ter um rombo de R$ 70 milhões, sem ter ao menos um fornecimento adequado em assistência de saúde”, concluiu. (Da assessoria)

Comentário

Página 12 de 1837

DESTAQUE NACIONAL

  • Douranews Anúncio
  • unimed fevereiro

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis