Timber by EMSIEN-3 LTD
  • cmd recess
Redação Douranews

Redação Douranews

Após notificação feita no final da manhã desta quinta-feira (11.7), por um oficial de Justiça do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS), o O Governo do Estado decidiu, nesta quinta-feira (11), após ser notificado por oficial de Justiça, entrar com medida judicial contra a decisão monocrática do desembargador Ruy Celso Barbosa Florence, que deferiu pedido de medida liminar para suspender os efeitos do Decreto 15.192/2019, que determinou aos servidores estaduais o retorno à jornada de 8 horas diárias de trabalho.

Inicialmente prevista para abril deste ano, a volta da jornada normal de trabalho começou no dia 1º de julho, a pedido das lideranças sindicais dos servidores, para que eles pudessem ter maior prazo de transição e readequação à nova rotina de trabalho. A medida abrange aproximadamente 16 mil funcionários públicos ativos. Com a notificação a liminar está sendo cumprida, com os servidores cumprindo jornada de 6 horas.

O Governo do Estado defende que o retorno da jornada legal de trabalho visa a melhoria permanente dos serviços públicos prestados à população; a redução de custos; e a otimização do trabalho dos servidores, conforme argumenta a PGe (Procuradoria-Geral do Estado), que defende o Estado nessa ação.

Comentário

Em reunião no departamento de esportes da Funed (Fundação de Esporte de Dourados) com participação dos representantes de clubes de futebol dos distritos ficou definido que a 17ª edição do Campeonato Interdistrital de futebol de campo será disputada por nove equipes, divididas em três chaves.

A competição que mobiliza desportistas de todas as localidades rurais de Dourados e que foi resgatada pela atual administração, como forma de levar lazer e entretenimento às comunidades, terá a abertura oficial no dia 4 de agosto, às 8 horas, no estádio Ataíde Pimenta dos Reis, no Panambi, distrito do campeão da edição 2018.

As chaves

Por meio de sorteio, ficou definido que a Chave A será formada pelas equipes dos Veteranos Panambi, Nacional de Vila Vargas e Colonial de Indápolis. Na Chave B estarão a AAVF (Associação Atlética Vila Formosa), AAVV (Associação Atlética Vila Vargas) e Clube Atlético Panambi. Já na Chave C estarão as equipes do Santo Antônio da Picadinha, Cooperativa e o Esporte Clube São Pedro.

As oito melhores equipes em pontuação ao longo da competição entrarão na fase do mata-mata. Os confrontos serão entre a 1ª colocada e a 8ª, a 2ª e 7ª, a 3ª e 6ª e a 4ª enfrentando a 5ª colocada.

Mantendo a tradição, a cerimônia de abertura será às 8 horas, com a apresentação das nove equipes e em seguida a primeira partida. Além dos clubes dos distritos que participaram nas cinco edições anteriores, a novidade para este ano será o retorno da equipe de Picadinha.

E, ao contrário das edições anteriores, as partidas serão realizadas no período da manhã, exceto as decisões de terceiro e primeiro lugares, que serão à tarde.

De acordo com Antônio Carlos Barbosa, o Kaká, coordenador geral da equipe de esportes da Funed, todos os jogadores que estavam relacionados no ano passado, automaticamente estarão aptos a participar neste ano. Já os novos atletas deverão apresentar comprovante de votação das eleições de 2018, nas seções e zonas eleitorais dos distritos que representam.

Outra novidade desta edição é que a final será em jogo único, no estádio da equipe que realizou a melhor campanha durante a competição. A preliminar será a disputa pelo terceiro lugar.

Como premiação, haverá troféus e medalhas para os três primeiros colocados e troféu para o melhor goleiro, artilheiro e equipe mais disciplinada.

O Campeonato Interdistrital Funed de futebol de campo tem apoio direto das Secretarias de Saúde e de Serviços Urbanos e da Guarda Municipal de Dourados.

Comentário

O Diário Oficial da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul publicou, nesta quarta-feira (10), a Lei 5.366/2019, que cria o PAI (Programa de Aposentadoria Incentivada) dos servidores efetivos do quadro permanente do Legislativo estadual. Conforme a lei, o servidor, que preenche ou vier a preencher até o final deste ano os requisitos necessários para aposentadoria, tem prazo de 30 dias para aderir ao programa.

A lei, apresentada pela Mesa diretora, estabelece que o servidor, com aposentadoria deferida, receberá, como indenização, “valor mensal bruto da remuneração do cargo que ocupa na ativa, igual à soma de oito parcelas, a serem pagas em oito meses”. As parcelas serão pagas “concomitantemente ao recebimento dos proventos de aposentadoria”.

Ainda de acordo com a lei, o servidor beneficiado pelo programa ficará impedido, pelo período de dois anos, de ser nomeado em cargo de comissão na Assembleia Legislativa, exceto por meio de concurso público. Após esse prazo, “só poderá ser nomeado para cargos de confiança ou qualquer outra modalidade de contratação, esgotadas todas as convocações dos aprovados em concurso vigente”.

As providências necessárias para a execução do programa serão tomadas pela Secretaria de Recursos Humanos em parceria com a Secretaria de Finanças e Orçamentação. A lei prevê, ainda, que a tramitação do processo de adesão ao programa, bem como o processo de aposentadoria, não poderá ultrapassar o prazo de 30 dias

Comentário

Ação rápida e profissional da equipe da Unidade Básica do Jardim Maracanã foi fundamental para o nascimento saudável de Guilherme da Silva Reis. O parto de urgência ocorreu no posto do bairro, na manhã desta quarta-feira (10), quando a mãe, Adriana da Silva Reis, chegou ao local já com contrações e sem tempo hábil para ser encaminhada ao Hospital Universitário.

Adriana é moradora no Jardim Carisma. Ao sentir dores ela havia acionado um motorista de aplicativo para se deslocar até o HU. Durante o percurso, acompanhada do esposo Fernando Marcelino da Silva, notou que as contrações aumentavam e o motorista optou por encaminhá-la ao atendimento de saúde mais próximo, que foi a UBS do Jardim Maracanã.

Quando a mulher chegou ao local, por volta das 9h30, já em avançado trabalho de parto, a equipe se mobilizou a atendê-la, priorizando a saúde da mãe e do filho. Pouco depois das 10 horas, Guilherme veio ao mundo.

“Médico e equipe de enfermagem notaram a necessidade de atendimento imediato e se uniram para o parto natural ocorrer com sucesso. Foi emocionante e uma agradável surpresa a todos, atender a um caso que não é da nossa alçada, no entanto, o zelo pela vida é maior e foi lindo ver que tudo ocorreu bem”, destacou Letícia Lopes dos Santos, coordenadora da UBS Jardim Maracanã.

Todo o processo foi acompanhado e realizado pelo médico Lucas Fagundes, enfermeiro Leandro Ikeda, enfermeira Karina Macário, auxiliar de enfermagem Karine Santos Marton e a também auxiliar de enfermagem Antônia Cláudia.

Após o nascimento, uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionada e a mãe e o recém-nascido foram encaminhados ao Hospital Universitário para receberem os devidos atendimentos de saúde, na unidade especializada em maternidade, conforme divulga a assessoria de comunicação do Município.

Comentário

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) e Banco do Brasil implementaram ao convênio já existente um aditivo para disponibilizar um canal de pagamento de dívidas de forma ágil e conveniente. O objetivo é ter um canal a mais para que o consumidor possa ter acesso ao pagamento das guias.

Conforme o diretor de tecnologia do Detran-MS, Robson Alencar, o contribuinte que é cliente do BB não precisa mais entrar no site do Detran para ter acesso ao boleto de pagamento de taxas como IPVA, seguro obrigatório (DPVAT) ou multas de trânsito. Todas as informações para pagamento estão disponíveis nos canais do Banco do Brasil. “Por isso, o contribuinte pode quitar seu débito através de todos os terminais do Banco do Brasil”, concluiu.

Os valores poderão ser pagos, de forma integral, diretamente por meio do site ou aplicativo. Além disso, há a possibilidade de arcar com os custos e receber o documento em casa, pagando por isso apenas o valor do correspondente bancário, informa a assessoria do governo.

Comentário

Oitenta mil cobertores adquiridos pelo Governo do Estado vão aquecer a população carente dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul. Nesta quinta-feira (11), o governador Reinaldo Azambuja faz a entrega do material em solenidade marcada para às 14h30 no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande.

Iniciada em 2017, a ação contabiliza 250 mil peças em três anos. Todo o material foi adquirido pela Sedhast (a Secretaria estadual de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho) com recursos do FIS, o Fundo de Investimento Social). Este ano, foram investidos R$ 1,9 milhão na compra dos 80 mil cobertores, informa o governo.

A partilha entre os municípios é proporcional ao número de famílias em situação de vulnerabilidade social, com base nos atendimentos realizados pelos Cras (Centros de Referência de Assistência Social), responsáveis pela distribuição aos cidadãos mais necessitados. Entre os critérios de prioridades estão a densidade populacional, característica de população indígena e quantidade de famílias em risco social.

Participam da entrega a primeira-dama Fátima Azambuja; a secretária da Sedhast, Elisa Nobre; secretários estaduais; prefeitos; secretários municipais de assistência social e parlamentares de Mato Grosso do Sul, além de outros convidados do governador Reinaldo Azambuja.

Comentário

Em parceria com o Cineclube UFGD, a UFGD vai lançar no sábado (20) da semana que vem o projeto de extensão Curta Cinema, que terá oficinas com a apresentação de curtas-metragens, análise de técnicas cinematográficas, desde o roteiro até a montagem, e também atividades práticas para a criação de um filme. Ao final das oficinas, os participantes poderão fazer o seu próprio curta.

Os encontros são gratuitos, ocorrerão no mínimo uma vez ao mês até o final do ano, com sessões especiais dentro da programação do Cineclube UFGD e também com atividades complementares. Quem tiver interesse em participar não precisa fazer inscrição previamente, basta estar presente na sessão de 20 de julho, às 17 horas, no cineauditório da Unidade 1 (Rua João Rosa Góes, 1761, Vila Progresso).

O projeto de extensão é coordenado pelo publicitário Thales Albano de Sousa Pimenta, servidor da Assessoria de Comunicação Social da UFGD e já participou da realização de várias produções audiovisuais da instituição e também de fora da UFGD como, por exemplo, os curtas Conexões Perdidas, Marley e Fracasso. O Curta Cinema foi contemplado pelo Programa de Extensão UFGD + Cultura, da Pró-reitoria de Extensão e Cultura da UFGD, e tem como parceiros a GAPK (Grupo de Apoio aos Povos Guarani Kaiowá), a AJI (Ação Jovens Indígenas) e a MAD (Mostra Audiovisual de Dourados).

Comentário

A Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) divulgou nesta quinta-feira (11) os números do 10º Levantamento da Safra de Grãos 2018/2019. De acordo com o levantamento, o Brasil deve registrar novo recorde da série histórica com uma produção de cerca de 240,7 milhões de toneladas. A previsão de crescimento é de 5,7%, o que representa 13 milhões de toneladas acima da safra 2017/18. A área plantada está prevista em 62,9 milhões de hectares, um aumento de 1,9% em relação à safra anterior.

O levantamento mostra que o milho segunda safra deve ser um dos maiores destaques do período, com previsão de produção recorde de 72,4 milhões de toneladas, crescimento de 34,2%. Já o milho primeira safra deve ficar em 26,2 milhões de t, queda de 2,5%. A produção de algodão deve aumentar cerca de 32,9%, o que equivale a 6,7 milhões de algodão em caroço ou 2,7 milhões de algodão em pluma. Para a soja, a previsão é de redução de 3,6% na produção, atingindo 115 milhões de toneladas. As regiões Centro-Oeste e Sul representam mais de 78% dessa produção.

Os produtos com maiores aumentos de área plantada foram o milho segunda safra (819,2 mil ha), soja (717,4 mil ha) e algodão (425,5 mil ha). A soja apresentou um crescimento de 2% na área de plantio, chegando a 35,9 milhões de ha.

Produções no inverno

A Conab estima uma produção de trigo de 5,5 milhões de toneladas em uma área estimada em 1,99 milhão de ha, 2,4% menor que a área plantada em 2018. As demais culturas de inverno (aveia, canola, centeio, cevada e triticale) apresentam um leve aumento na área cultivada, passando de 546,5 mil ha para 552,2 mil ha. As condições climáticas vêm favorecendo as lavouras, repercute a Agência Brasil de notícias.

Comentário

Será realizado neste domingo (14), em Dourados, a terceira edição do Costelão Dançante do Clube de Imprensa. O evento vai acontecer a partir das 11 horas, na Seleta, e segue até às 19 horas, com animação dos grupos Garotos do MS e Surungo Bueno. Os convites custam R$ 25.

O presidente do Clube, Thiago Wesley, diz que o evento é direcionado a toda a sociedade. “Será um momento de confraternização entre amigos e famílias com o tradicional costelão e muita música boa”, explica.

Os convites podem ser adquiridos de forma antecipada com membros do Clube de Imprensa como também no dia do evento. O costelão será servido das 11 às 14 horas, acompanhado de arroz, pirão, salada e mandioca.

A Seleta fica localizada na rua José Roberto Teixeira, 691, no Jardim Flórida, próximo ao Parque Antenor Martins. É necessário levar pratos e talheres. Mais informações sobre o evento ou convites podem ser obtidas pelos telefones 9 9138-2929 (Thiago) ou 9 9852-3359 (Hedio).

Comentário

A Câmara de Vereadores de Dourados aprovou, na última sessão antes do recesso, em segunda votação, o projeto de lei de iniciativa da vereadora Lia Nogueira (PL), que trata da implementação da Carteira de Vacinação Eletrônica. Agora, só depende da sanção da prefeita Délia Razuk para o projeto virar lei, e tornar o sistema de imunização do município mais ágil, moderno e eficiente, diz a parlamentar

A implementação da carteira de vacinação eletrônica, por meio de um banco de dados online de livre acesso aos usuários e às Unidades Básicas de Saúde, vai assegurar e garantir um processo mais eficiente e eficaz quanto à imunização da população. De acordo com a autora do projeto, a medida tem a finalidade de resguardar os dados do usuário visando proporcionar maior agilidade na hora da vacinação de crianças e adultos na Rede Pública de Saúde de Dourados.

Lia Nogueira explicou que o cartão de vacinação é um documento obrigatório que garante o acesso de trabalhadores a benefícios sociais, bem como ao ingresso e permanência de crianças e adolescentes nas escolas. “Com a criação do cartão eletrônico, os dados dos usuários que foram vacinados deverão ser salvos em um banco de dados eletrônico, evitando qualquer confusão ou transtorno para saber se aquele paciente já recebeu determinada vacina ou não. Ao longo da vida das crianças, acontece de muitos pais perderem estes cartões de papel, o que dificulta o controle por parte da saúde do município e dos próprios pais”, explicou Lia.

Conforme ainda a parlamentar, este projeto vai facilitar a vida dos usuários da Rede Pública Municipal de Saúde, que muitas vezes perdem ou têm a carteirinha de vacinação deteriorada com o tempo e acabam tendo de ser imunizados mais de uma vez pela mesma enfermidade. “O objetivo do cartão eletrônico é justamente isso, facilitar a vida dos pais, dos usuários da saúde e garantir que ele receba todas as vacinas em dia, com as respectivas doses, num controle muito maior”, esclareceu a vereadora.

Lia Nogueira relatou também que, além do usuário, o cartão eletrônico trará um maior controle econômico ao município, pois irá racionalizar a compra de vacinas e irá diminuir a confecção de cartões de papel. “As duas partes vão sair ganhando, o município economizando e os usuários da Rede Pública de Saúde que vão manter sua imunização em dia e terão um histórico de suas vacinas arquivado digitalmente com segurança. Creio que será uma excelente ferramenta para o município dentro de uma política de contenção de gastos, de eficiência e humanização. Acredito na sensibilidade e na visão de gestora moderna e comprometida com a população da prefeita Délia, em tornar o projeto lei municipal. Quem vai ganhar com isso é a cidade”, destacou Lia Nogueira. (Da assessoria)

Comentário

Página 8 de 1371

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus