Timber by EMSIEN-3 LTD
  • cmd guarda
Domingo, 24 Março 2019 08:41

Santos sai na frente nas quartas de final do Paulistão Destaque

Escrito por
Sampaoli arma o Santos "á brasileira" e sai na frente na rodada decisiva do Paulista Sampaoli arma o Santos "á brasileira" e sai na frente na rodada decisiva do Paulista Globoesporte/Marcos Ríbolli

A diretoria do Santos prometeu pagar os salários atrasados dos jogadores na quinta-feira (19) e não cumpriu. Mas, em campo, o time demonstrou força e se recuperou de uma fase ruim com a importante vitória por 2 a 0 sobre o RB Brasil, neste sábado (23), no Pacaembu, no jogo de ida das quartas de final do Paulistão. Com o resultado, o Santos pode até perder por um gol de diferença na terça-feira (26), em Campinas, e ainda assim se classifica às semifinais. Eventual derrota por dois gols (não importa o placar) leva a decisão para os pênaltis, informa o Globoesporte.com.

O técnico Jorge Sampaoli comemorou a vitória e a vantagem obtida. O argentino confirmou que os salários ainda não foram quitados com todo o elenco e falou mais uma vez sobre a decisão de devolver a parte dele até que todos recebam. “Somos parte de uma família, de uma equipe de trabalho. Comissão técnica, jogadores, todos... Não vejo lógica em receber o salário enquanto os outros não recebem. Eu faria o mesmo se o cozinheiro não estivesse recebendo. Não é justo. Tem que ser igual para todos. Se o clube tem algum problema, eu entendo. Mas o que não entendo é um receber e outro não. Espero que até semana que vem todos recebam”, disse.

Sobre a vantagem e a atuação do time, o técnico comentou: “Esse é um resultado muito bom pela maneira que nós jogamos. Foi justo. Mas não é definitivo. Vamos jogar uma nova partida, contra um adversário complicado e será tão difícil quanto hoje. O plano da partida era focar em fazer pressão na saída de bola deles. É uma equipe que gosta de jogar com ela. Fizemos uma partida intensa nesse quesito. Tivemos muita verticalidade, aproveitando nossos laterais”, completou Sampaoli.

Palmeiras enrosca

No outro jogo das quartas de final do Paulistão, o empate em 1 a 1 entre Novorizontino e Palmeiras, no jogo de ida, irritou o técnico Felipão. No lance que originou o primeiro gol da equipe mandante, a bola teria pegado na mão de Murilo Henrique. O Palmeiras reclama de um toque na mão, enquanto a FPF afirma que o gol foi legal. “Sobre VAR, no dia em que eu parar de ser técnico vou dizer algumas coisas”, protestou o treinador.

Felipão também falou sobre o fraco desempenho que o Palmeiras vem tendo nas últimas três partidas, principalmente na primeira etapa do jogo. “Não sei se a nossa logística está errada. Mas alguma coisa não foi bem nesses últimos três jogos (contra Mirassol, São Paulo e Ponte Preta). Alguma coisa tenho que procurar, dentro do meu conhecimento, para que isso não aconteça”, disse ao Globoesporte.com.

O jogo da volta entre Palmeiras e Novorizontino será terça-feira, no Pacaembu. Quem vencer avança às semifinais do Paulistão. Em caso de novo empate, a decisão da vaga será na disputa por pênaltis.

Mais jogos

Ferroviária x Corinthians e São Paulo x Ituano completam a rodada das quartas do Paulista neste domingo (24) e fazem o jogo de volta na quarta-feira (27), quando serão definidos os semifinalistas da competição.

Brasileirão - Rodada

Classificação

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus