Timber by EMSIEN-3 LTD
  • CORONA3
  • Dnews Whats
  • 10 anos
  • 10 anos1
Redação Douranews

Redação Douranews

Algumas questões são preocupações permanentes na sociedade. No entanto, recebem campanhas, com cores, mês específico, em uma abordagem direcionada para chamar a atenção e para reascender periodicamente o debate. São aquelas questões que jamais podem ser esquecidas. É dessa necessidade que surgiu a campanha Setembro Amarelo, em combate ao suicídio.

O tempo atual, chamado por alguns sociólogos de pós-modernidade, apresenta características de relações superficiais, corrida contra o tempo, individualismo, consumismo, uma constante preocupação em ter mais, ser mais, e, ao chegar onde se esperava, um tremendo vazio. Sempre nos parece que falta algo. E, com tanta gente apressada, com quem conversar sobre esses sentimentos? E quando esses sentimentos ultrapassam a barreira da vontade de viver, e se aproximam da morte? Em tempos de pandemia e em tempos de tecnologia, como ficam as pessoas que precisam ser ouvidas?

São diversos os fatores que levaram a OMS (Organização Mundial da Saúde) a considerar que a depressão é “o mal do século”. Mato Grosso do Sul figura entre os estados brasileiros com maior índice de suicídios no Brasil, de acordo com dados do Ministério da Saúde. Nesse sentido, a Alems (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) é comprometida com a promoção da saúde mental no Estado. Em tempos de pandemia, a preocupação é por cuidados redobrados.

“Este tema tem sido recorrente nos últimos tempos, especialmente em decorrência deste ano atípico em virtude da pandemia no novo coronavírus, um inimigo mundial que nos pegou desprevenidos e, infelizmente, deixou centenas de milhares de vítimas fatais, além de ser responsável por graves crises econômicas em todo mundo”, afirmou o presidente da Assembleia, deputado Paulo Corrêa (PSDB). O parlamentar destacou que “não apenas a saúde física, mas também a saúde mental precisa estar em nosso horizonte de preocupação”.

O Poder Legislativo é atuante na questão. “Estamos cumprindo o nosso papel, não apenas na questão legislativa, com aprovação de leis e proposições que chamam a atenção para essa questão, como também na participação efetiva da campanha”, afirma o presidente. Para trabalhar o tema, foi criada uma Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental e Combate à Depressão e ao Suicídio, coordenada pelo deputado douradense Marçal Filho (PSDB).

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sancionou a Lei 5.448, de autoria do deputado, que determina a afixação de cartaz informando o telefone do Centro de Valorização da Vida - 188, nos espaços públicos, em local de fácil visualização. A medida visa fortalecer as ações de combate à depressão e prevenção ao suicídio.

“Essa questão do suicídio está diretamente ligada a transtornos mentais. É um momento desesperador no qual a pessoa não sabe lidar com isso. E divulgamos o número 188, porque, embora seja importante desabafar, é preciso buscar ajuda capacitada, alguém que vai ouvir sem fazer julgamentos, ouvir mais do que falar. Por vezes, um conselho que parece bom, pode agravar ainda mais a situação”, explicou o deputado Marçal.

Por essa questão, Marçal também afirma a necessidade de mais psicólogos e psiquiatras na rede pública de saúde. “Infelizmente, o foco hoje tem sido muito direcionado ao coronavírus, mas a saúde mental é muito importante, a falta de saúde mental enseja muitas outras doenças”, defende o parlamentar.

Comentário

Um homem de 70 anos, morador na região do Parque das Nações, em Dourados, está sendo apontado como suspeito de tentar importunar uma criança, de 5 anos de idade, a quem teria atraído com a oferta de um bolo.

A prática, considerada tentativa de estupro de vulnerável, foi cometida na tarde deste domingo (6), quando, segundo o relato policial, o homem atraiu a menina que brincava próximo a um campo de futebol, oferecendo frutas e bolo para que a criança fosse até a casa dele.

No local, conforme contou depois para a mãe dela, o idoso teria tocado em todo o corpo, além de ter beijado a menina na testa e na boca. Preso e encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Rua Cuiabá, o homem disse ter dado ‘apenas um cheirinho’ na criança.

Comentário

Segunda, 07 Setembro 2020 08:45

Idosa de 85 anos morre de Covid-19

A idosa Elza Brito, de 85 anos, é a vítima número 83 do coronavírus em Dourados. Ela morreu às 23h15 deste domingo (6) no HU (Hospital Universitário), depois de ter sido internada no Hospital Evangélico. Ela tinha complicações renais como principal comorbidade.

No final da manhã de sábado (5), outra mulher, residente do município, também com comorbidades, que realizou o teste para Covid no começo do mês passado e estava internada em hospital particular, também veio a óbito.

Dourados começou a semana com 6008 casos confirmados da doença, conforme o boletim epidemiológico divulgado neste domingo (6), onde constava 82 óbitos até então. Como orientação das autoridades sanitárias, cerimônias de sepultamento são realizadas com prazo máximo de duas horas, com o caixão lacrado.

Comentário

Um homem de 28 anos foi preso na tarde deste sábado (5), sob suspeita de estupro cometido em vulnerável. Ele foi localizado por equipes da Polícia Civil e Militar, em Sonora.

A Polícia informou que contra ele já havia um mandado de prisão e, após detido na avenida Pedro Pedrossian, o homem foi encaminhado para a delegacia da cidade.

Comentário

Cinco apostas realizadas em Mato Grosso do Sul vão participar do rateio do prêmio de R$ 95 milhões da Mega-Sena, sorteado na noite de sábado (5), mas apesar da expectativa, os ganhadores do prêmio principal, com seis números, não são de Mato Grosso do Sul. Dois sortudos, um de Campinas (SP) e uma aposta online, dividem o prêmio.

As apostas que acertaram a quina e levam R$ 39 mil para casa vão contemplar ganhadores que fizeram o jogo em Bonito, Campo Grande e Sidrolândia. Segundo a Caixa Econômica Federal, há três apostas ganhadoras na Capital, sendo que duas delas foram feitas na Lotérica Campo Grande. Uma destas apostas foi feita com nove números, por isso o sortudo leva o prêmio de R$ 156,1 mil. A outra aposta foi na Lotérica Quina de Ouro.

Em Bonito, uma aposta acertou a quina e em Sidrolândia a aposta de um bolão, na lotérica Loterândia, deu aos acertadores o prêmio de R$ 78 mil.

Comentário

Domingo, 06 Setembro 2020 08:35

Preso comete suicídio dentro da cadeia

Valdeci Ferreira, de 48 anos, conhecido como “Pica Pau”, que cumpria pena na PED (Penitenciária Estadual de Dourados), tirou a própria vida, ao utilizar-se de uma corda e se dependurar na grade da cela, na tarde deste sábado (5), na ala do Raio Linear.

De acordo com agentes penitenciários que localizaram o corpo, o interno vinha reclamando de dores de cabeça e estava no local apenas com mais um preso. O companheiro de cela de Pica Pau disse que ele era muito calado e reservado.

Comentário

Cerca de 200 pessoas que participavam de festa clandestina realizada na noite desta sexta-feira (4), em uma região da área rural de Campo Grande, foram dispersadas pelas equipes da Guarda Civil Metropolitana e o organizador, um jovem de 23 anos, e o DJ, de 19, foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Capital.

Ao receber a denúncia, a equipe foi até o endereço onde, constatada a aglomeração, a GCM entrou em contato com o organizador, DJ e proprietário da chácara. Questionado sobre a festa, o dono do local indicou que não sabia do evento e que achava ter alugado o local apenas para um evento familiar.

A ocorrência foi registrada como infração de medida sanitária preventiva, como repercutiu o site Campo Grande News. A capital do Estado tinha 22.688 casos notificados do coronavírus até nesta sexta-feira, com 385 mortes.

Comentário

O médico Guido Céspedes, de 46 anos de idade, morreu, nesta sexta-feira (4), após 45 dias internado na UTI em Sinop (MT). Ele atuava na linha de frente do combate à Covid-19 e foi o responsável por criar e protocolar a distribuição do “kit Covid” em Sinop, um conjunto de medicamentos que continha hidroxicloroquina, substância defendida pelo presidente Jair Bolsonaro para o tratamento da doença.

O médico tinha comorbidades, como diabetes, sobrepeso e pressão alta, e seu quadro de saúde foi se agravando ao longo dos dias de internação. A prefeita de Sinop, Rosana Martinelli, lamentou a morte do profissional de saúde. No início dos anos 2000, dr Guido atuou na rede pública de saúde em Dourados e Ponta Porã.

“Depois de alguns meses de luta, o médico Guido Céspedes veio a falecer esta tarde. Um servidor dedicado, corajoso que fez muito por todos nós. Na linha de frente, assinou o protocolo do Kit Covid e deu o seu melhor ao nosso município. Neste momento de dor, me solidarizo com a família e deixo aqui um abraço apertado”, postou a mandatária.

Até a tarde desta sexta-feira, o estado do Mato Grosso, segundo o Ministério da Saúde, havia registrado 96.980 casos de Covid-19 e 2.873 mortes causadas pela doença. Especialistas médicos e autoridades da OMS (Organização Mundial de Saúde) ainda não atestaram a efetividade da cloroquina no tratamento da Covid-19.

Comentário

Em comemoração ao Dia da Árvore (que é celebrado no dia 21), a Sanesul está preparando uma campanha para doação de 10.000 mudas de árvores nativas. Clientes da empresa, interessados em participar, poderão retirar a muda para plantio no escritório da cidade onde moram.

Dentre as várias espécies que serão distribuídas estão: Jacarandá-Mimoso, Angico, Pata-de -Vaca, Paineira e Ipê (amarelo, roxo e branco), em número limitado. Cada escritório da Sanesul que aderir à campanha receberá uma quantidade para doação de acordo com o projeto de distribuição e plantio que tem como principal objetivo incentivar a preservação do meio ambiente.

A meta é contar com o maior número possível de pessoas para a retirada das mudas nos escritórios, justifica. A nova campanha do Dia da Árvore será lançada em breve pela página oficial da empresa na internet [http://www.sanesul.ms.gov.br] e pelos canais da rede social: Facebook: www.facebook.com/SanesulMS e Instagram: https://www.instagram.com/sanesul

A Gerência de Meio Ambiente (GEMAM) e a Diretoria do setor, estão na frente de mais este projeto.

“A Sanesul adota um conjunto de medidas priorizando a preservação do meio ambiente. Todos os nossos projetos de saneamento tem essa preocupação. Este ano pensamos em contribuir com as questões ambientais do Estado com o plantio de árvores. Além do mais, essa atividade incentiva pessoas a se unirem e compartilharem eventos, melhorando a qualidade de vida das comunidades”, comentou o diretor Helianey Paulo da Silva, da Gemam (Gerência de Meio Ambiente) da empresa.

Interatividade

Além de promover a preservação do meio ambiente, a Sanesul quer acompanhar de perto o crescimento das mudas doadas. Cada participante será convidado a fotografar o local onde a muda foi plantada. As imagens poderão ser enviadas via email e publicadas em um hotsite criado especialmente para divulgação.

A Sanesul sempre se manteve envolvida em projetos e campanhas referentes às questões ambientais, desenvolvendo um trabalho de educação nos 68 municípios onde atua, seja com palestras, concurso de desenho, distribuição de materiais educativos, blitz, plantio de mudas, visitas nas estações de tratamento de água da empresa, entre outras ações. Para a empresa, saneamento e preservação ambiental caminham juntos, e a melhor forma de conscientização é a mobilização das pessoas para agirem em prol das próximas gerações.

Comentário

A Prefeitura de Dourados protocolou um projeto na Câmara de Vereadores que trata de desafetação e alienação de seis terrenos públicos. Juntos, eles foram avaliados em mais de R$ 5 milhões com mais de 50 mil metros quadrados. Nesse processo, os vereadores têm a oportunidade de verificar pessoalmente as avaliações para comprovação do interesse público, que deve ser o principal motivo das negociações.

Essa análise é para impedir, por exemplo, a subavaliação do terreno público pela superavaliação do particular, por isso devem ser realizadas todas as diligências necessárias, inclusive com a participação dos Conselhos envolvidos, como o CMDU (Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano). Todas as questões apresentadas devem ser esclarecidas pelo Poder Executivo, divulga a assessoria de comunicação da Câmara.

O membro da Comissão de Justiça, vereador Elias Ishy (PT), visitou alguns dos terrenos e afirmou que é necessário verificar se não são necessários equipamentos públicos e, além disso, que a população deve ser consultada. Ele lembra que as áreas são altamente valorizadas, onde se pode disponibilizar serviços para atender melhor à população. Apesar da localização ser considerada em área nobre, na região também há residencial popular e há um grande fluxo, inclusive, de indígenas.

Ishy lembra que na última gestão, por diversas vezes, questionou a administração por negociações com alegações de interesse público questionáveis na justificativa. No projeto da Prefeitura, os terrenos irregulares apresentados estão localizados nos arredores do condomínio Bourbon e o Residencial Itatinga, próximos também ao Anel Viário.

A Prefeitura alega que os terrenos estão localizados onde os moradores não necessitam de equipamentos públicos ou porque já se encontram atendidos ou não precisam do atendimento da gestão, estando os imóveis sujeitos a invasão, de acordo a publicação em justificativa que acompanha a mensagem.

Comentário

Página 16 de 1745

Brasileirão - Rodada

Classificação

ENTREVISTA

  • unigran 150
  • Editais

O Tempo Agora

  • unigran novo

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis