Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

Institucional - Trimestralmente a Unimed Brasil realiza uma classificação das Unimeds no ranking de intercâmbio, ranking atual e monitoramento. A mais recente classificação saiu no último dia 16 de janeiro de 2020, sendo esta referente ao trimestre de Outubro a Dezembro de 2019.

Os indicadores avaliados foram as Obrigatoriedades Institucionais, Performance Eletrônica de Atendimento, Performance do Processo de Cobrança e Contestação e também a Gestão da Marca. A Unimed Dourados teve um desempenho total com o peso de 99,39%, atingindo a classificação geral “A”.

Esta classificação demanda muitos esforços para alcançar patamares cada vez mais altos, contribuindo assim para melhorar o padrão de atendimento ao cliente e a profissionalização dos processos e consequentemente, um grande avanço no intercâmbio eletrônico.

“As Unimeds que atingem a Classificação A nesta avaliação, são consideradas pela Unimed do Brasil singulares com grau de excelência no atendimento do Intercâmbio Nacional. Isto nos dá a segurança que os trabalhos de toda diretoria, colaboradores e cooperados estão sendo realizados de forma assertiva pela busca da excelência”, destacou Dr. Jamal Haddad, Diretor Presidente da Unimed Dourados.

Comentário

O Sebrae de Dourados vai realizar, durante o mês de fevereiro, nos dias 4, 11 e 18, de 14h30 às 17h30, a capacitação “Como se tornar um MEI”, visando sensibilizar os participantes sobre os benefícios de se formalizar como Microempreendedor Individual, fomentando o empreendedorismo. A série de palestras é gratuita e vai acontecer no escritório regional da instituição na cidade, à Rua Presidente Kennedy, 855.

Entre as vantagens de ser MEI e sair da informalidade, por exemplo, estão a possibilidade de emitir notas fiscais e garantias sociais, como auxílio-doença e aposentadoria.

Quem participar vai conhecer as regras, obrigações e custos de se tornar um MEI. Os participantes também vão conferir os requisitos necessários para a formalização e as ações que o Sebrae realiza para auxiliar este público.

O conteúdo se baseia nas principais dúvidas dos microempreendedores individuais, como: O que é o MEI; Quais as regras do MEI; Quanto custa ser MEI; Quais os benefícios; O que fazer antes de formalizar; As obrigações do MEI; Portal do Empreendedor (site oficial). As inscrições podem ser feitas por meio da Loja Virtual do Sebrae ou pelo telefone 0800 570 0800.

What do you want to do ?
New mail

Comentário

O vereador Olavo Sul (Patriota) esteve segunda-feira (20) no distrito de Indápolis, onde os moradores pediram que o parlamentar solicite do Poder Executivo municipal medidas urgentes de combate à dengue, e que seja organizado um mutirão para o recolhimento de materiais que servem como criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor dessa e de outras doenças.

A população reclama que o distrito está passando por um surto de dengue e, segundo relatos da comunidade, existe suspeita de casos associados com a febre chikungunya.

“A semana passada fizemos o pedido solicitando que a Prefeitura disponibilize caminhões caçamba para que os próprios moradores, trabalhadores das unidades de saúde e apoiadores possam realizar o mutirão de recolhimento desses criadouros”, comentou Olavo.

O vereador demostrou preocupação e disse que tem alertado, tanto as autoridades como os moradores de Dourados, para que sejam tomadas medidas a fim de evitar uma epidemia. “Fomos ao distrito para mapear o que pode ser feito pelo poder público, vamos conversar com as secretarias responsáveis. Ano passado, com a parceria dos moradores, poder público e algumas empresas, foram feitos mutirões nos distritos e bairros de Dourados, o que ajudou bastante, acredito que esse ano devemos fazer de maneira preventiva para que o município não seja atingido por um novo surto. Em 2019 já demos a ideia de solicitar o apoio do Exército Brasileiro e esse ano vamos encaminhar novamente ao Poder Executivo esse pedido”, comentou Olavo.

O parlamentar ainda visitou outros locais do distrito que são alvos constantes de reclamações dos moradores. “O centro social, embora estamos sempre cobrando, infelizmente três anos se passaram e a reforma ainda não aconteceu, até material como cimento e cal estão estragando, ginásio poliesportivo que está sendo usado pelos jovens, inclusive houve a realização de torneio no final de 2019, lembrando também do time de futsal feminino que realiza treinos e jogos, mas reclamam pelo fato dos banheiros não terem condições de uso. Lamentável, mais uma vez vamos fazer o pedido de reforma. No posto de saúde tem o ar condicionado instalado, mas ainda falta a rede elétrica. São algumas questões que eu acredito que, com boa vontade, poderiam estar resolvidas”, finalizou Olavo Sul. (Da assessoria)

What do you want to do ?
New mail

Comentário

O proprietário de um canil em Eldorado do Sul, na Região Metropolitana de Porto Alegre, perdeu cerca de R$ 1 milhão em um roubo, em novembro do ano passado. Chama a atenção o alvo dos criminosos: cães da raça Spitz Alemão, também conhecida como lulu-da-pomerânia. Foram levados 60 animais, entre fêmeas, machos e filhotes que estavam à venda.

Dos pets roubados, 13 foram recuperados — 10 adultos e três filhotes. A Polícia Civil segue procurando pelos outros 47 animais. Além disso, cinco suspeitos foram presos, conforme divulga o portal da Zero Hora Gaúcha.

What do you want to do ?
New mail

Comentário

O Detran (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) vai adotar a partir de 3 de fevereiro o novo modelo de Placa de Identificação Veicular, conhecida como Placa Mercosul. O formato foi instituído em junho do ano passado pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito), por meio da portaria 780 e ainda não havia sido implementado no Estado.

O diretor-presidente do Detran-MS, Luiz Rocha, deu detalhes, nesta segunda-feira (20), sobre o procedimento de troca. A nova placa será exigida para os veículos novos, os que forem transferidos de município ou de Estado e para os que tiverem a identificação danificada.

Também deverão ter as placas substituídas os veículos que tiverem mudança de categoria; registro de furto, extravio ou roubo da placa; e perda ou danos no lacre ou tarjeta. A troca ainda deverá ser feita caso haja a necessidade de instalação da segunda placa traseira de engates para reboques ou carroceria intercambiável. Além disso, pessoas que desejarem trocar a placa voluntariamente também poderão aderir ao novo modelo.

Emplacamento

Seis empresas estão credenciadas em todo o Estado para fazer o emplacamento de veículos. “Nesse novo sistema, o usuário quando adquirir um veículo deve se dirigir ao Detran, que vai informar o fornecedor sobre a nova placa. Por fim, o usuário fará a aquisição da placa diretamente do estampador (empresa que fabrica)”, explicou Luiz Rocha. O Detran-MS vai divulgar os nomes e endereços das empresas credenciadas.

O proprietário do veículo vai escolher por qual empresa o emplacamento será feito. Postos de atendimento das estampadoras serão montados nas cidades de Campo Grande, Dourados e Três Lagoas. Nos demais municípios, o contato deve ser feito diretamente com o Detran.

Preços

Segundo Luiz Rocha, o modelo de emissão da Placa Mercosul favorece o livre comércio. Ou seja, as empresas credenciadas para o processo de estampagem das placas estão liberadas para negociar seus próprios valores diretamente com o proprietário. Em estados que já utilizam o novo modelo de identificação o preço para emplacamento de veículos varia entre R$ 100 e R$ 200. Em Mato Grosso do Sul o atual sistema de emplacamento custa R$ 220 para carros.

Comentário

Duas pontes de madeira, localizadas sobre o Córrego Laranja Doce e Rio Dourados, e que serão substituídas por estruturas de concreto armado, estão entre as obras a serem executadas como parte do ‘pacote’ de construções do Programa Mais Pontes, criado para agilizar e ampliar o número de pontes entregues no Estado.

A Agesul (Agência de Gestão de Empreendimentos) será a principal fiadora, como executora do ‘pacote’ em que o governador Reinaldo Azambuja e o vice, Murilo Zauith, titular mda Seinfra (Secretaria estadual de Infraestrutura) vão anunciar, dia 6 de março, investimentos da ordem de R$ 3 bilhões, até 2022 no Estado. Mais de 90% dessa aplicação será feita com recursos do Fundersul, administrados por Murilo na Seinfra.

Além das pontes, que estão em áreas rurais e com as novas passagens de concreto, motoristas da região de Dourados terão mais segurança para trafegar e os produtores poderão escoar com mais rapidez importantes commodities de Mato Grosso do Sul, como soja e milho. Os projetos executivos de engenharia, estudos e orçamentos das duas pontes já foram licitados pela Agesul.

A ponte sobre o córrego Laranja Doce já precisou de diversas manutenções devido a seu estado mais precário. Localizada próxima a BR 163, na rodovia Barro Preto, na divisa entre Dourados e Douradina, a ponte está em via municipal, sendo assim responsabilidade do município. Já a ponte sobre o Rio Dourados está na MS-274 e liga Deodápolis a Dourados. Com 70 metros de comprimento, é uma das maiores que existem na região e uma das mais utilizadas pelo setor produtivo.

Comentário

O governador Reinaldo Azambuja declarou Situação de Emergência em partes das áreas rural e urbana de Nova Andradina, afetadas por chuvas intensas em dezembro, que provocaram a queda da ponte do Anel Rodoviário Fernando Lima de Vasconcelos, sobre o Córrego Umbaracá, impossibilitando o trânsito dos veículos entre a MS-134 e a MS-473. O decreto foi publicado nesta terça-feira (21.1) no Diário Oficial do Estado.

O acidente provocou aumento do fluxo de veículos pesados dentro da cidade, impactando diretamente a vida da população. Nova Andradina também sofreu com o agravamento das erosões, segundo a Coordenadoria de Defesa Civil Municipal.

A Defesa Civil atuou orientando e fazendo o trabalho técnico documental. O reconhecimento de Situação de Emergência abre possibilidade de o poder público pleitear recursos para dar resposta ao desastre.

O Ministério Público de Mato Grosso do Sul liberou, conforme despacho da promotora da Comarca, Rosalina Cruz Cavagnolli, que o estádio Ninho da Águia, em Rio Brilhante, está liberado, até o dia 11 de abril, para sediar partidas do Campeonato Sul-mato-grossense.

O local será o palco do jogo de estreia do clube da casa, o Águia Negra, que abre a rodada de abertura do certame, nesta quarta-feira (22), contra a Pontaporanense, às 20h15.

Confira a tabela da competição

De acordo com a promotora, essa permissão vale por 120 dias, período em que os responsáveis pela praça esportiva se obrigam a promover “algumas regularizações solicitadas pela Policia Militar no Laudo de Segurança”. Ela condicionou a abertura do estádio à vistoria preliminar por parte da PM antes de cada partida das disputas da Série A.

Comentário

O deputado Barbosinha (DEM-MS) confirmou, na manhã desta terça-feira (21), em entrevista ao radialista Antônio Coca, no programa Noticidade da rádio FM101, que a viabilização do projeto de candidatura a prefeito de Dourados nas eleições de outubro deste ano “é uma construção que envolve a participação de todos os partidos”.

Nesse sentido, revelou que já manteve conversações preliminares com os deputados Renato Câmara (MDB) e Marçal Filho (PSDB), igualmente aspirantes desse projeto e que a pré-candidatura do nome dele pelo DEM conta, hoje, com o aval das principais lideranças da legenda, como o deputado Zé Teixeira, o vice-governador Murilo Zauith, os ministros Mandetta e Tereza Cristina e que espera ter também o aval do governador Reinaldo Azambuja, de quem ainda é líder na Assembleia Legislativa até à volta dos trabalhos, em fevereiro.

“Estamos conversando com todas as forças organizadas, porque essa é uma construção que não se pode fazer de forma isolada. Dourados precisa recuperar o protagonismo”, citou o deputado, lembrando que o município perdeu o único deputado federal que tinha [Geraldo Resende, hoje secretário estadual de saúde] e que os inúmeros problemas verificados, na gestão administrativa da cidade, ele debate também com o deputado Neno Razuk, filho da prefeita Délia, que está terminando o mandato, “invocando para essa responsabilidade de todos”.

O deputado disse que, no primeiro ano deste segundo mandato na Assembleia, como líder do Governo, teve a oportunidade de fazer o contraponto, buscar o equilíbrio com todas as forças políticas, e agora está deixando a função para “buscar o diálogo com as forças de Dourados e construir um projeto de gestão com a marca da experiência de quem já foi prefeito, aos 25 anos de idade, passou pela Sanesul por sete anos, saneando as finanças e reerguendo a empresa e na Secretaria de Justiça e Segurança Pública, construímos um dos maiores programas de segurança do Estado”.

Comentário

A diretoria da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados) vai realizar, em fevereiro, uma reunião itinerante da entidade com associados e técnicos da Agesul (a Agência estadual de Empreendimentos) do Governo do Estado, para detalhamento do estágio das obras de revitalização da rua Hayel Bon Faker.

No final de semana que passou o presidente da Aced, Nilson dos Santos, tratou do assunto com o presidente da Agesul e secretário-adjunto de Infraestrutura do Estado, Luiz Roberto Martins de Araújo. “Os empresários, especialmente aqueles estabelecidos ao longo da Hayel, querem conhecer melhor o projeto e saber como vai ficar o fluxo a partir das modificações que estão sendo introduzidas”, justificou Nilson.

De acordo com o dirigente da Aced, a firme atuação do Governo do Estado, por meio da Seinfra (Secretaria de Infraestrutura), tem feito a diferença na cidade. “A gente percebe nas intervenções feitas para melhorar o centro, os serviços nas avenidas Marcelino Pires, Weimar Torres e na Joaquim Teixeira Alves, e queremos acompanhar sempre de perto essas ações”, afirmou Nilson dos Santos ao adjunto da Seinfra.

Atividades

Neste mês de janeiro, a diretoria da Associação Comercial já participou de encontro no Senai, com o Sebrae, recebeu a visita do presidente da Faems (a Federação estadual das entidades do setor e definiu pautas conjuntas de trabalho. “Estamos elaborando a agenda de atividades semestral e mobilizando nossos diretores em torno de propostas para atender às demandas”, disse o presidente.

Nesta terça-feira (21) a diretoria executiva da Aced mobiliza os diretores de Turismo, de Eventos e de Indústria e Comércio em rerunião onde o tema central será a participação da entidade na Expoagro, a feira agropecuária que é realizada em maio pelo Sindicato Rural de Dourados e da qual a Associação é uma das principais parceiras.

Comentário

Página 3 de 1547

Brasileirão - Rodada

Classificação

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus