Timber by EMSIEN-3 LTD
Quarta, 25 Abril 2018 09:18

Dourados começa campanha contra Influenza com 20 mil doses de vacina

Escrito por
Saúde pede para as pessoas ficarem atentas à ordem de prioridade para recebimento da vacina Saúde pede para as pessoas ficarem atentas à ordem de prioridade para recebimento da vacina Assessoria/A.Frota

A Prefeitura de Dourados inicia nesta quarta-feira (25), através do Núcleo de Imunização da Secretaria municipal de Saúde, as ações da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza 2018. Todas as Unidades Básicas de Saúde do município disponibilizarão doses da vacina para a população, conforme cronograma estabelecido pelo Ministério da Saúde em relação aos grupos de risco, de maneira escalonada.

Nesta primeira etapa, até o dia 11 de maio, a vacinação será para crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias pós-parto) e trabalhadores da saúde. A partir de 12 de maio os idosos serão incluídos ao escalonamento e, a partir de 21 de maio, os presidiários e funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais, independente da idade. A campanha termina no dia 1° de junho.

Segundo Edvam Marcelo Morais Marques, gerente do Núcleo, a estimativa de população alvo é entre 70 e 80 mil doses, segundo estabelecido pelo Ministério da Saúde. “É importante que os integrantes dos grupos de risco tomem a vacina porque o vírus tem variações que podem causar problemas maiores, mas também é importante que a população entenda que não são todos que precisam tomar a dose”, explicou.

Edvam ressalta que o cronograma não é feito pela Prefeitura, e é importante que a população esteja por dentro das datas de vacinação e para os grupos de risco respectivos. “Em muitos lugares a campanha iniciou na segunda-feira. Nós optamos por iniciar nesta quarta por uma questão de logística, para dar mais comodidade aos cidadãos, que terão a vacina nas unidades”, disse.

O primeiro lote enviado é composto por 20 mil doses da vacina. A carga chegou ao município na segunda-feira (23) e todas as unidades foram abastecidas com esta primeira fase. “O cronograma de envio das próximas doses é por deliberação do Ministério. Nós recebemos, cadastramos e distribuímos para a aplicação”, explicou, lembrando que o Ministério dispõe de uma única empresa fornecedora das doses para todo o Brasil, na área pública e privada.

Datas e horários

De 25 a 27 de abril o atendimento nos postos de saúde será das 7 às 11 e das 13 às 17 horas para este público. Dos dias 2 a 4 de maio, a vacinação será nos postos no mesmo horário, e nas unidades da Seleta e do Parques das Nações II, com um terceiro período, das 18h30 às 21h30. De 7 a 11 de maio, continua a vacinação nas unidades no horário normal.

A partir de 12 de maio, quando ocorre a Mobilização Nacional, até 18 de maio, a vacinação incluirá os idosos aos demais grupos, com atendimento nos mesmos horários já estabelecidos.

De 21 de maio a 1 de junho, data prevista para o término da campanha de vacinação, serão vacinados ainda os indígenas, portadores de doenças crônicas, presos e funcionários do sistema prisional, com os mesmos horários nos postos de saúde.

A vacinação será com uma dose de vacina trivalente, com antígenos para os tipos Influenza A H1N1 e H3N2 e Influenza tipo B, e será feita exclusivamente nos postos de saúde. Para receber a dose, professores, funcionários do sistema prisional e funcionários da saúde precisam apresentar documento que comprove a condição. Doentes crônicos precisam de prescrição médica com o motivo da indicação. Demais grupos precisam apenas de documento de identificação, mas recorrer a unidade de saúde a que está vinculado.

Situação

Segundo o Núcleo de Imunização, Dourados apresentou quatro suspeitas de Influenza em 2018, sendo duas de moradores da cidade e duas de moradores de outros municípios. Todos foram considerados negativos, de acordo com exame realizado no Lacen/MS.

No Estado, Campo Grande é o município com mais notificações, tendo confirmado dois casos de H1N1 e seis casos de H3N2, com duas mortes por este segundo tipo da doença. O boletim epidemiológico mais recente da Secretaria estadual de Saúde foi emitido no dia 18 de abril.

  • Unimed 38
  • kikao esquenta

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus