Timber by EMSIEN-3 LTD
Segunda, 31 Dezembro 2018 12:40

Hospital Universitário comemora investimentos de mais de R$ 11 milhões este ano Destaque

Escrito por
Do total investido ao longo do ano, mais da metade foi para reforçar o parque técnico de atendimento médico Do total investido ao longo do ano, mais da metade foi para reforçar o parque técnico de atendimento médico Assessoria

Com investimentos de mais de R$ 11 milhões, o HU (Hospital Universitário) da Universidade Federal da Grande Dourados encerra 2018 com muitos motivos para celebrar. Após anos de contingenciamento, a instituição voltou a empregar recursos na renovação do parque tecnológico, além de conquistar a execução de obras e empenhos para a troca de grande parte do mobiliário.

Disponibilizados em parcelas ao longo do ano, os recursos de capital vieram, em sua maioria, do Programa Rehuf (de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais), administrado pela Ebserh (a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares), que reúne os hospitais federais do País.

No pacote de investimentos, também foram empregadas verbas oriundas da contratualização que o hospital mantém com a administração municipal e do Ministério da Saúde, por meio da Rede Cegonha – que tem por objetivo estruturar a atenção à saúde materno-infantil no Brasil.

No total, R$ 11.172.724,28 foram investidos em três grandes grupos de atividades: execução de obras, aquisição de equipamentos eletromédicos e compra de mobiliário e equipamentos de uso geral, o que para o superintendente do hospital representa o esforço coletivo de todos profissionais envolvidos nos processos.

“Não basta a disponibilidade de recursos, se não houver uma equipe coesa e disposta a otimizar processos para que tudo corra bem e de forma planejada. Para que todas as aquisições de bens e contratações de serviços sejam possíveis, uma vasta equipe trabalha detalhadamente, desde o profissional de saúde que solicita a compra de um item até o colaborador que atua nos processos de licitação. Nessa conexão, muita gente se empenhou e se capacitou visando uma única finalidade: a melhor prestação de assistência à saúde do paciente aliada ao ensino e a pesquisa dos profissionais em formação”, reconhece o superintendente do HU, Ricardo do Carmo Filho.

Parque tecnológico

Em 2018, mais de R$ 6 milhões foram empregados em equipamentos médico-hospitalares, representando o maior investimento já feito na área em toda a história do hospital. Entre as compras está a renovação de grande parte dos equipamentos de suporte à vida, como os ventiladores pulmonares, que estão sendo 100% substituídos.

Também foram trocados 80% dos desfibriladores e adquiridos monitores multiparâmetros (que monitora os sinais vitais do paciente), aparelhos de anestesia, videocolonoscópio (usado para colonoscopias), carrinhos de emergência (usados para transportar e deixar disponíveis insumos e equipamentos de atenção às paradas cardíacas), balanças, bicicletas ergométricas para uso fisioterapêutico, guinchos específicos para elevação de pacientes, oxímetros, aparelhos de eletroestimulação neuromuscular e aparelhos de ultrassonografia.

As compras, de acordo com a chefe do Setor de Engenharia Clínica, Flávia Lefort Lamanna, atendem a solicitações de praticamente todos os ambientes assistenciais do HU, das mais simples às mais complexas, e equivalem a 55% de todo o recurso investido no hospital durante o ano.

A previsão, conforme a engenheira, é de que até o fim do primeiro semestre de 2019, todos os equipamentos adquiridos no exercício de 2018 estejam devidamente instalados e em pleno funcionamento. Alguns, como ventiladores e aparelhos de ultrassonografia, por exemplo, já estão em operação.

Obras

Neste ano, três espaços especificamente voltados à assistência em saúde passaram por processo de readequação no hospital. Além disso, outras três obras foram licitadas e devem ter início nos primeiros meses de 2019. Já finalizadas, as reformas do Pago (o Pronto Atendimento Ginecológico e Obstétrico) e do serviço de Hemodinâmica foram entregues em dezembro à comunidade hospitalar e, para o mês de janeiro, está prevista a conclusão das readequações na CME, a Central de Materiais Esterilizados.

Também para o início do ano, está previsto o começo das obras cujo processo licitatório foi finalizado em 2018: as reformas da Lavanderia e do espaço utilizado pela Unidade de Abastecimento Farmacêutico e a continuidade da construção de salas administrativas, demanda há muito tempo requerida pelos colaboradores da área.

Para tanto, cerca de R$ 3,2 milhões foram empenhados e, conforme Airson Batista, chefe da Divisão Administrativa Financeira, tais realizações são resultado de uma soma de esforços entre setores e divisões aliados à alta gestão que, em 2018, pela primeira vez, passaram a discutir a emprego dos recursos de forma colegiada por meio da instituição do Comitê de Gestão dos Recursos do Rehuf do HU.

“Superintendente e gerentes, com o auxílio técnico de gestores de divisões e setores, passaram a avaliar coletivamente, descentralizando e dando celeridade à tomada de decisões. Por sua vez, isso agilizou as atividades que ficam a cargo das divisões Administrativa Financeira e de Logística e Infraestrutura Hospitalar, responsáveis por trabalhar em conjunto para dar andamento, finalizar e empenhar processos em tempo hábil, com aproveitamento máximo dos recursos disponibilizados”, observa.

Mobiliário e equipamentos de uso geral

Há anos sem renovações significativas, o mobiliário do HU em breve receberá centenas de novos itens, tanto na área administrativa como nos espaços assistenciais. Em 2018, dois grandes processos de compras foram articulados para essa finalidade, após a reunião de todas as demandas do hospital, de forma a otimizar as aquisições.

Entre os 89 tipos de produtos comprados estão cadeiras, mesas, banquetas, armários, berços, cadeiras de roda, cadeiras de banho, camas hospitalares, mesas ginecológicas, poltronas para acompanhantes, macas, longarinas, aparelhos televisores, sofás e eletrodomésticos, que já estão sendo entregues pelos fornecedores.

Também foram realizados processos paralelos para aquisição de equipamentos de Tecnologia da Informação, como câmeras de segurança, e outros itens de uso geral como freezers e aparelhos de ar condicionado. Ao todo, o investimento chegou a aproximadamente R$ 1,7 milhão.

O chefe do Setor de Administração do HU, Ricardo Brito, afirma que este foi o ano em que a instituição recebeu o maior volume de bens permanentes desde que está em atividade. Responsável pelas unidades de Compras, Licitações, Contratos, Patrimônio e Apoio Operacional, o setor é a peça-chave na execução dos processos de aquisições de material e contratação de serviços e está sempre em busca de modernização visando soluções práticas e econômicas.

“Em 2018, houve um grande incentivo à capacitação das equipes do setor, o que reflete diretamente na modernização dos processos e na otimização do trabalho. Para se ter uma ideia, neste ano houve aumento do número de compras, porém com menos processos. Isso representa planejamento e economia”, explica.

Imperativa também nos processos licitatórios realizados pelo hospital, a transparência é uma das missões do setor. Todas as licitações em 2018 passaram a ser feitas de forma eletrônica, incluindo as que se destinam à contratação de empresas para execução de obras, que agora são realizadas por meio do RDC (Regime Diferenciado de Contratações Públicas) eletrônico.

Na análise do gerente administrativo do hospital, Paulo César Nunes da Silva, 2018 foi um ano muito produtivo, em que as equipes da instituição conseguiram fortalecer ainda mais o binômio “ensino - assistência em saúde”, fazendo uso inteligente dos recursos disponíveis.

“O HU é um hospital que possui papel essencial na formação de profissionais da saúde e, em contrapartida, oferece assistência à população de forma gratuita, 100% SUS. Assim, esse investimento é um marco divisor e contribui sobremaneira para a melhoria do atendimento, fazendo do hospital referência em todo o Sul do Estado, transformando o cuidado de forma humanizada e com tecnologia de ponta”, finaliza.

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus