Menu
Buscarsábado, 13 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
25°C
Agronegócio

Mercosul vai usar software brasileiro de administração rural

22 março 2011 - 12h07Por Redação Douranews, com Exame

O Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), que reúne técnicos e agricultores do Paraguai, Uruguai e Argentina, usará o RuralPró, um programa de computador (software) de administração rural desenvolvido pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF). O acordo para uso da ferramenta tecnológica foi firmado na última sexta-feira (18) pelos dois organismos. por ambos os órgãos.

O software, criado em 1994, já passou por cinco versões e já contabiliza cerca de 4 mil downloads (captura do arquivo pela internet). "O nosso maior desafio em todos esses anos foi inserir digitalmente o pequeno agricultor que opta por usar o software", disse o coordenador do programa, Renato Lima. Já foram dados mais de 100 cursos de capacitação em todo o Brasil.

Para a Emater-DF, o acordo vai permitir a integração institucional dos órgãos ligados à produção agrícola, dando apoio aos produtores que buscam melhorias na gestão das propriedades rurais.

"A instituição [Emater] está disponível não só para o Brasil, mas para o mundo todo. Nosso software é uma plataforma livre, sem restrições de uso", afirmou o diretor executivo da Emater, Almeri Martins. Ações futuras incluem uma versão em espanhol do programa e a capacitação de extensionistas para ensinar os agricultores, muitas vezes com pouca escolaridade, a operar o software. O lançamento formal do programa ocorrerá na próxima AgroBrasília, feira agropecuária da capital do país marcada para 17 a 21 de maio.