Menu
Buscarquarta, 24 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
27°C
Agronegócio

Zé Teixeira diz que é possível conciliar preservação e produção

16 março 2011 - 22h09Por Redação Douranews, com Assessoria

O deputado estadual Zé Teixeira (DEM) elogiou o relator do projeto da reforma do Código Florestal, deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB), na sessão de hoje (16) e disse que com consciência é possível caminhar rumo ao desenvolvimento e preservar o meio ambiente sem penalizar o produtor rural. “A palestra de Rebelo foi brilhante e esclarecedora, o parlamentar busca um consenso entre os interesses das partes e para elaborar a proposta viajou todo o país e verificou as injustiças e incoerências contra o setor produtivo”, ressaltou.

Na tribuna, Teixeira voltou a defender a mudança do Código Florestal para Código Ambiental Brasileiro, alegando que as discussões sobre a preservação devem ser feitas com o setor produtivo e com todos os segmentos da sociedade. “Afinal, o setor urbano é o maior responsável por danos ambientais, principalmente nos grandes centros brasileiros. Veja o que acontece em São Paulo, os rios Tietê e Pinheiros, enfrentam sérios problemas devido à poluição causada pelas indústrias e não pelo homem do campo”, enfatizou.

Outro ponto abordado pelo democrata é a polêmica referente a anistia aos produtores acusados de desmatamentos até 2008. “O setor não infringiu a legislação, pelo contrário foi incentivado pelo Governo no passado a produzir e derrubar a mata para desenvolver o país, além de pagar os impostos sobre sua produção”, acrescentou.

Para finalizar, o deputado disse que 30% das florestas que existem no mundo estão localizadas no Brasil e que ''nós não vivemos sem o Meio Ambiente e também não vivemos sem a nossa produção''.