Menu
Buscarsábado, 25 de junho de 2022
(67) 99913-8196
°max
°min
unigran topo
BLOG

O outro lado é aqui

16 maio 2022 - 08h04Por Redação Douranews

Flagrantes da abertura da 56ª. Expoagro mostraram situações inusitadas que poderiam ser evitadas e indicam, mais um vez, que o discurso da falta de representatividade se reapresenta ainda com mais força nesse período pré-eleitoral de 2022.

-x-x-x-x-x-

Quem viu a abertura oficial da feira agropecuária pela internet pode perceber o momento em que o deputado Barbosinha promove correção de rumo na mesa de autoridades, alinhando o chefe geral da Embrapa em Dourados, Harley Nonato de Oliveira, que cantava o Hino Nacional de costas para os pavilhões posicionados do outro lado.

-x-x-x-x-x-

Nas falas, o presidente do Sindicato Rural, bolsonarista assumido, não deixou de dar uma cutucada no amigo presidente do Brasil: “Depois que o Bolsonaro acabou com a contribuição sindical, tivemos dificuldades para manter nossas atividades, fizemos cortes drásticos para poder continuar”, relatou.

-x-x-x-x-x-

Otimista, sempre, Angelo Ximenes não se fez de rogado ao dizer que depois de duas safras ‘nem tão boas’ (a do milho safrinha 2021 e da soja 2021/22), o homem da terra pede a Deus que abençoe este ano. As promessas são boas.

-x-x-x-x-x-

Quase no final das falas, o secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Jaime Verruck, ex-pré-candidato a deputado federal, aproveitou para pedir à ex-ministra Tereza Cristina que traga o presidente do Brasil para a inauguração oficial da Inpasa, empreendimento de processamento do etanol à base de milho, já em funcionamento na saída de Dourados para Caarapó.

-x-x-x-x-x-

E o registro final: se o governador (Reinaldo Azambuja) não veio, porque não escalaram o vice (Murilo Zauith), presente no parque de exposições no dia da abertura oficial da Expoagro, para representar o Governo?