Menu
Buscarterça, 18 de junho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
22°C
unigran24
banner100
MS

Ex-goleiro Bruno tem prisão decretada por dívida em pensão ao filho com Eliza Samudio

A decisão foi assinada pelo juiz da 6ª vara de família e sucessões, Alexandre Tsuyoshi Ito. Além da prisão, o magistrado decretou o pagamento de pensão alimentícia pendente em mais de R$ 70 mil.

28 maio 2022 - 08h45Por g1/ms

O ex-goleiro Bruno teve a prisão decretada por falta de pagamento de pensão alimentícia ao filho Bruninho, que ele teve com Elisa Samudio. Ela desapareceu em 2010 e seu corpo nunca foi encontrado. O mandado foi expedido nesta sexta-feira (27) pelo juiz da 6ª vara de família e sucessões de Mato Grosso do Sul, Alexandre Tsuyoshi Ito.

Na decisão, o juiz determina o pagamento de, aproximadamente, R$ 70 mil referentes a dois salários-mínimos por mês desde janeiro de 2020, em valores atualizados. O magistrado determina que Bruno permaneça preso até que "efetue a quitação de todas as parcelas pendentes ou pelo prazo máximo de 3 meses", como diz o documento.

Mesmo preso, o pagamento é considerado necessário, como o juiz explica na decisão. Apenas com a quitação do débito por pensão alimentícia, a prisão pode ser suspensa. O processo referente pensão alimentícia corre na Justiça desde 2012.

Deixe seu Comentário

Leia Também