Menu
Buscarterça, 16 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
23°C
Cidades

Nova Andradina alerta sobre perigo nas estradas e ruas

04 março 2011 - 19h35Por Redação Douranews, com Assessoria
As últimas chuvas prejudicaram totalmente o trabalho de recuperação da malha viária

O Secretário de Serviços Públicos, Roberto Ginel, está comunicando a interdição de várias rodovias, da malha que compõe o Município, principalmente naquelas onde o trabalho de recuperação havia sido iniciado.

Estão interditadas as estradas que demandam às Fazendas Viscaya, Pé de Cedro, São Sebastião, Fazenda São José, nas proximidades da propriedade do Sr. Hans Nagel (inclusive com interdição da ponte), Fazenda Silvana (somente para carros de pequeno porte). Também estão sem condições de uso as estradas do Bairro São Rafael, Assentamento Teijin, Bairro São Bento, sendo que, em todos estes, o transporte escolar foi paralisado, por falta de condições de trafegabilidade.

Ginel ainda comunica que as ruas da cidade, onde havia sido iniciado o trabalho de recuperação (operação tapa-buracos) o serviço foi totalmente perdido, necessitando ser refeito. As chuvas dos últimos dias castigaram a malha viária danificando ainda mais, especialmente as ruas pavimentadas.

Por isso, e buscando minimizar os efeitos negativos da situação, Ginel pede aos motoristas, especialmente aos motociclistas, que tomem o máximo de cuidado ao trafegarem. Evitem as poças d’água, que escondem buracos e podem causar acidentes.

Assim, com a população contribuindo e com certeza, a diminuição das chuvas, em breve serão retomadas as obras de recuperação, tanto das estradas, quanto das ruas da cidade.

“Continuamos a pedir a compreensão de toda a sociedade, pois a época das chuvas está na fase final, e poderemos enfim recuperar toda a malha viária”. Ginel explica que, mesmo com toda a determinação do Prefeito e dos órgãos da Prefeitura, o máximo que se pode fazer, dentro do setor de recuperação da malha viária, é trabalhar com emergências. Caso contrário, além de ser impraticável o manuseio das máquinas e equipamentos, também seria um grande desperdício de material e mão-de-obra do Poder Público, que ao final, são recursos do próprio povo.

Deixe seu Comentário

Leia Também