Menu
Buscarsexta, 19 de julho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
25°C
unigran24
Aeroporto

Infraero vai assumir sistema de voos em Dourados

Prefeitura encaminha pedido oficial para empresa nacional

09 julho 2024 - 15h36Por Redação Douranews

A Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) recebeu, oficialmente, nesta terça-feira (9), o pedido encaminhado pela Prefeitura de Dourados para que assuma a gestão do Aeroporto Regional da cidade, interditado há mais de três anos para obras de reforma e ampliação da pista de pousos e decolagens.

Com a proposta do Município, entregue pelo prefeito Alan Guedes em visita a diretores da Infraero em Brasília, o aeroporto de Dourados deve passar a fazer parte do bloco que já compreende outros 27 aeroportos administrados pela empresa nacional.

Sicredi

A expertise da Infraero em gestão aeroportuária foi o principal motivo que levou a Prefeitura de Dourados, até então responsável pelo terminal, a repassar a gestão. "Toda a parte operacional, a pista, o pátio, o raio-X, o canal de inspeção, a sala de embarque, o desembarque, a parte de limpeza, tudo isso a partir de agora fica a cargo da Infraero, que é uma empresa que tem muita experiência nisso˜, desincumbiu-se o prefeito.

O próximo passo, segundo Alan Guedes, é a homologação da pista, até então sob a responsabilidade do Município, dependendo apenas de o Exército concluir a entrega para o SAC (Secretaria Nacional de Aviação Civil) do Ministério de Portos e Aeroportos. A Infraero já está trabalhando com a gente nesse processo, para diminuirmos todo o tempo possível para que, o quanto antes, os aviões voltem a subir e descer em Dourados, que é o que todos nós esperamos", disse o prefeito.

Sem prazo para reabertura

O Aeroporto Regional de Dourados está passando por obras de revitalização e adequação desde 2020. No entanto, a entrega oficial ainda não foi feita pela Engenharia do Exército Brasileiro, responsável pelos trabalhos. Apesar disso, a documentação do processo de homologação está sendo inserida no sistema para análise dos órgãos de controle.

“Ainda não temos uma data para a reabertura do aeroporto, já que o retorno das operações depende do aval da ANAC (a Agência Nacional de Aviação Civil) e do Decea (Departamento de Controle do Espaço Aéreo), após esse processo de análise. Então, no que for de competência da Prefeitura de Dourados, estamos nos adiantando para que, quando a entrega oficial aconteça, esses trâmites estejam encaminhados”, explica Mariana de Souza Neto, diretora-presidente da Agetran, a Agência municipal de Transporte e Trânsito.