Menu
Buscarterça, 21 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
31°C
Dourados

Manifestantes protestam contra 'pacote' de Temer na avenida Guaicurus

11 novembro 2016 - 10h41

Batizada de “Nenhum Direito a Menos”, uma Frente formada por entidades sindicais e movimentos sociais realiza, desde às 6h30, nesta sexta-feira (11), diversas atividades em Dourados, como parte da agenda elaborada para o Dia Nacional de Luta contra Retirada de Direitos. Sindicatos, entidades sociais, estudantes, grupos indígenas, ativistas, artistas dentre outras categorias se uniram para combater a PEC 241 (55 no Senado) que já chamam de ‘Pacote de Maldades’ do Governo Michel Temer. O movimento começou com a distribuição de panfletos na avenida Guaicurus, a partir da rotatória do Anel Viário, no sentido à UFGD, aeroporto e distritos.

Professores e administrativos das redes Municipal, Estadual e das universidades públicas de Dourados realizam um dia de paralisação e os bancários vão retardar a abertura das agências da cidade em duas horas. Os bancos começam a funcionar a partir do meio-dia. Grupos indígenas prometem o bloqueio do Anel Viário em protesto contra a municipalização e terceirização da saúde indígena e prorrogação das conveniadas. Outras categorias do serviço público e privado também já anunciaram que participarão das atividades, como assistentes sociais e agentes públicos de saúde

A PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 241, que já foi aprovada em dois turnos na Câmara dos Deputados, agora tramita no Senado Federal como PEC 55. Trata-se de um projeto de lei que congela os gastos da União (Executivo, Legislativo e Judiciário) por até 20 anos. O novo regime fiscal, que pode entrar em vigor já em 2017, prevê cortes em despesas primárias, como Saúde, Educação e Assistência Social, com limite baseado no orçamento do ano anterior.

Veja a agenda de atividades da Frente para esta sexta-feira:
6 horas – Bloqueio e panfletagem na Avenida Guaicurus

6 horas – Bloqueio do Anel Viário (pelos indígenas)

8 horas – Concentração de movimentos populares na Praça Antônio João

9 horas – Passeata/Caminhada no centro de Dourados (com chegada na frente dos bancos)

10 horas – Paralisação nas agências bancárias (com atendimento somente a partir das 12 horas)

14 horas – Aula Pública e Ato Cultural na frente da UFGD

Deixe seu Comentário

Leia Também