Menu
Buscarsábado, 15 de junho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
27°C
unigran24
banner100
APROVAÇÃO

Aluno da escola Guateka aprovado em Medicina

Bernardo Ortiz Machado é o quinto entre 36 indígenas inscritos na UFGD

29 junho 2022 - 16h19Por Redação Douranews

O indígena Bernardo Ortiz Machado, de 21 anos, morador na Aldeia Jaguapiru, em Dourados, da etnia Kaiowá, filho de mãe professora e pai enfermeiro, é o primeiro indígena da aldeia Jaguapiru a passar em um vestibular de medicina da Universidade Federal da Grande Dourados. Ele passou em 5° lugar, concorrendo com 36 estudantes indígenas para uma vaga no tão sonhado e disputado curso de medicina da UFGD.

“Estou muito feliz, nem acreditei que passaria. Na verdade, eu já estava me mudando para São Paulo para estudar Odontologia na Unicamp, e fui chamado aqui na UFGD”, contou o jovem que se formou em 2019 no ensino médio na escola estadual indígena Guateka Marçal de Souza, localizada na aldeia Jaguapiru.

“Estudei na escola indígena, desde criança e sempre fui um aluno esforçado e os professores nunca me negaram ajuda, e hoje eu devo o resultado do vestibular a eles também”, agradeceu o futuro profissional da Medicina, ao reconhecer os méritos do corpo docente da instituição pública.

Para o diretor da escola, professor Luiz Freire Junior, essa aprovação vem mais uma vez confirmar o acerto das proposta de ensino do estabelecimento. “Estamos todos contentes, principalmente por saber que a escola Guateka caminha no rumo certo da boa formação e colhendo os frutos recompensadores”, diz.