Menu
Buscarterça, 21 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
27°C
Educação

Governo do Estado e UEMS vão oferecer pós em gestão pública para servidores

24 novembro 2016 - 12h48

Para melhorar o desempenho do planejamento estratégico e investir na qualificação do funcionalismo, o Governo do Estado, em parceria com a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), vai oferecer a partir do primeiro semestre do ano que vem uma pós-graduação em gestão pública. A formação será destinada, preferencialmente, aos servidores que fazem parte da Rede de Gestão Estratégica e já participam da implementação do plano de gestão do governador Reinaldo Azambuja.

A pós-graduação foi apresentada pelo coordenador do curso de Administração da UEMS, Alex Sandro Richter von Mühler, nesta quarta-feira (23), durante reunião entre os integrantes da Rede, na Governadoria.

Com 24 créditos de 360 horas, o curso terá sua turma em março de 2017 e, além desta, terá outras duas ofertas com número entre 30 a 40 alunos. Poderão ingressar na formação servidores com qualquer curso superior. “Trata-se de um projeto pedagógico elaborado sob medida para capacitar colaboradores em gestão”, explicou o coordenador.

O encontro desta quarta reuniu os integrantes da Rede para avaliar as possibilidades da utilização da estrutura da UEMS para o desenvolvimento do plano estratégico em andamento.

Com 66 cursos de graduação, 14 mestrados e cerca de mil funcionários, a Universidade tem 11 Centros de Pesquisa, Ensino e Extensão espalhados pelo Estado. “A UEMS tem estrutura e muito conhecimento técnico em seu corpo docente e discente, o que pode contribuir em vários aspectos com o planejamento estadual”, avalia o superintendente de Planejamento e Gestão da Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica, Thaner Nogueira.

Segundo o vice-reitor, Laércio de Carvalho, a universidade atende atualmente 10 mil alunos, sendo que 20 mil profissionais passaram pela instituição até o ano passado. Atualmente, mantém relação com 24 países e contabiliza 1 milhão de pessoas alcançadas com ações de extensão. “79% dos nossos alunos são oriundos da rede pública de ensino”, afirmou Carvalho.

Com base em pesquisa online realizada pelo Departamento de Comunicação com 1050 egressos da instituição, 79% dos profissionais trabalham em sua área de formação e a média salarial fica em R$ 4,2 mil mensais, bem acima da média do Estado e do País, que é de R$ 1.045 e R$ 1.113, respectivamente. “O que demonstra que estudar na UEMS é um bom negócio”, brincou o vice-diretor.

Planejamento Estratégico – O planejamento estratégico do Estado está firmado a partir dos contratos de gestão, documento pactuado entre as secretarias e o governador Reinaldo Azambuja contendo obras e realizações prioritárias de cada pasta para o exercício de 2016. Os contratos contêm ações práticas, com os prazos de entrega e forma de comprovação definidas, e são supervisionados pela Segov.