Menu
Buscarsegunda, 15 de julho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
10°C
unigran24
Esportes

Artilheiros do Brasileirão desse ano possuem a pior média de gols desde 2006

16 dezembro 2016 - 11h00Por Esporte Interativo

Os três artilheiros da edição do Brasileirão de 2016 atingiram recordes negativos na história do atual formado da competição. Desde que o campeonato passou a ser disputado por 20 clubes e em pontos corridos, no ano de 2006, nenhum artilheiro atingiu uma média de gols tão baixa quanto William Pottker, Fred e Diego Souza. O atacante do Fluminense e o do Sport fizeram seus 14 gols em 34 jogos, chegando a uma média 0,41.Já o jogador da Ponte Preta possui uma média um pouco maior, de 0,45 gols por jogo, por ter atuado em 31 partidas.As oitavas da Champions estão definidas. 

O recorde negativo pertencia antes ao atacante Josiel, que em 2007 atingiu a marca de 0,55 com o Paraná, com 20 tentos na temporada. Já do outro lado, quem possui a maior média de gols é Washington, que em 2008 marcou 21 vezes em 28 jogos pelo Fluminense e obteve a média de 0,75.

Sicredi

Além deste número baixos, o trio goleador deste ano também conquistou o pior número de gols de um artilheiro: 14. A marca antes estava com o atacante Souza, que em 2006 fez “apenas” 17 gols pelo Goiás.

Apesar destes recorde negativos, Fred não tem muito o que lamentar sobre sua história no Brasileirão. O atual atacante do Atlético-MG foi pela terceira vez artilheiro do campeonato e, atualmente, é o maior goleador da era dos pontos corridos, de 2003 até os dias atuais. São 127 gols em 224 jogos.