Menu
Buscarterça, 23 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
25°C
Esportes

Corinthians rompe oficialmente com o Clube dos 13

23 fevereiro 2011 - 19h17Por Redação Douranews, com Placar

Após anunciar que a tendência era o Corinthians se desligar do Clube dos 13, o presidente Andrés Sanchez enviou uma carta ao mandatário da entidade, Fabio Koff, oficializando o rompimento. O chefe dos alvinegros alega irresponsabilidade do C13 na condução das negociações dos direitos televisivos para os próximos três campeonatos brasileiros.

Andrés citou uma ligação feita pelo diretor-executivo Ataíde Gil Guerreiro para um alto executivo de uma das emissoras de televisão concorrentes, no meio das discussões, para provar que o processo não está sendo conduzido com “isenção e macula, de forma indelével, a lisura dos trabalhos que estão sendo realizados”.

O presidente do Timão também lamenta a contratação de profissionais irregulares nos últimos cinco anos, e de uma dívida de R$ 5 milhões, além de lamentar a falta de transparência nas contas da entidade, reclamando o não envio de balancetes mensais aos membros.

Nesta quarta-feira, Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco assinaram uma nota oficial informando que não vão mais negociar os direitos de transmissão por meio do C13, mas separadamente. Nesta quinta-feira, às 11h (Brasília), os presidentes dos grandes clubes cariocas darão uma entrevista coletiva no Rio de Janeiro.

Veja a carta do presidente Andrés Sanchez na íntegra:

Ao Clube dos 13
Aos cuidados do presidente Fabio Koff

Prezado Fabio Koff,

Desde meados do ano passado, o Sport Clube Corinthians Paulista vem tentando obter esclarecimentos sobre as demonstrações financeiras do Clube dos 13. Foram necessárias duas solicitações para que a direção desta entidade prestasse algumas explicações sobre essas contas, valendo notar ser sua obrigação enviar mensalmente a todos os seus associados o balancete.

Fomos surpreendidos com uma série de desmandos administrativos praticados pela direção do Clube dos 13 que já geraram para entidade um passivo transitado e julgado superior a R$ 5 milhões de reais e um potencial passivo trabalhista de proporções ainda maiores em face de contratações de profissionais de nível gerencial de forma irregular no mínimo ao longo dos últimos cinco anos

Em diversas ocasiões, deixamos claro nosso propósito de nos desligarmos do Clube dos 13 por diversas razões, e só não o fizemos porque entendíamos haver uma chance de, através de um diálogo construtivo entre todos os clubes associados, encontrarmos um modelo democrático e transparente de gestão para a associação.

Fatos recentes, entretanto, evidenciaram nosso erro de avaliação. A forma irresponsável com que alguns membros da diretoria do Clube dos 13 e seu diretor executivo conduziram o processo de elaboração da concorrência com o propósito de aquisição e direitos de transmissão dos jogos do Campeonato Brasileiro de Futebol Profissional a partir do ano de 2012 é, no mínimo, danosa aos interesses do Corinthians e dos demais clubes que integram a elite do futebol brasileiro.

O simples fato de durante a reunião de ontem da comissão de negociação do Clube dos 13 e seu diretor executivo, no meio das discussões, ter ligado para um alto executivo de uma das emissoras concorrentes para saber o que ele achava de uma deliberação que estava em discussão (confirmado por dois membros da comissão de televisão) e iria ser votada demonstra que esse processo não está sendo conduzido com isenção e macula, de forma indelével, a lisura dos trabalhos que estão sendo realizados.

Em assim sendo, o Corinthians comunica que a partir de hoje se desliga do Clube dos 13 e conduzirá as negociações diretas com as empresas interessadas em adquirir os direitos de transmissão de seus jogos pelo Campeonato Brasileiro de Futebol a partir do ano de 2012.

Atenciosamente,

Andrés Navarro Sanchez
Presidente do Sport Clube Corinthians Paulista

Deixe seu Comentário

Leia Também