Menu
Buscarsegunda, 15 de julho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
10°C
unigran24
Esportes

Fifa vai incentivar candidaturas conjuntas para a Copa

16 fevereiro 2017 - 15h30Por GloboEsporte

Em visita ao Catar, sede da Copa de 2022, o presidente da Fifa, Gianni Infantino, disse que vai incentivar candidaturas conjuntas para os próximos Mundiais – a exemplo do que Coreia do Sul e Japão fizeram em 2002. O projeto do dirigente é ainda mais audacioso: reunir até quatro países para receber o evento.

- Vamos incentivar candidaturas conjuntas para a Copa do Mundo porque precisamos mostrar que a Fifa é razoável e pensa na sustentabilidade a longo prazo – disse Infantino.
Até o momento, a Concacaf pretende lançar uma candidatura conjunta de Estados Unidos, Canadá e México para a Copa do Mundo de 2026. E o trio atende o quesito básico, de que sejam países próximos uns dos outros.

Sicredi

- Seria perfeitamente alinhada com as nossas políticas de sustentabilidade e legado talvez reunir dois, três, quatro país, que em conjunto, apresentassem um projeto com três, quatro ou cinco estádios cada. Nós certamente vamos incentivar isso. Idealmente, países seriam próximos uns dos outros por uma questão de facilidade na hora de viajar – completou Infantino.

Além do trio da Concacaf, outros países já demonstraram interesse em receber o Mundial de 2016, o primeiro com 48 seleções. São eles: Colômbia, Marrocos, Inglaterra, Cazaquistão e as candidaturas conjuntas de Azerbaijão e Turquia e Nova Zelândia e Austrália.