Menu
Buscarquinta, 18 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
20°C
Esportes

Sete de Setembro animado para reconquistar a torcida no Douradão

25 fevereiro 2011 - 14h59Por Redação Douranews, com Waldemar Gonçalves-Russo

Depois de passar apertado na temporada passada quando por muito pouco não foi para a 2ª divisão do futebol profissional sul-mato-grossense, a diretoria do Clube Desportivo 7 de Setembro de Dourados iniciou este ano com um só propósito, que é o de montar uma grande equipe e com os bons resultados aparecendo em campo. Uma das metas será reconquistar a torcida douradense.

Dentro desta filosofia, a diretoria trouxe para Dourados o experiente técnico Elói Kruger e a ele deu toda a autonomia para que reformulasse o plantel para tentar o tão sonhado titulo ou no mínimo conquistar uma das duas vagas de Mato Grosso do Sul para a Copa do Brasil do ano que vem.

Já com Elói Kruger no comando, vários jogadores que já estiveram trabalhando com ele em outros clubes que passou desembarcaram na cidade e de imediato após passarem pelos exames médicos iniciaram a temporada em dois períodos, sendo que três vezes por semana trabalham na academia do SESI (Serviço Social da Indústria) visando obter ganho muscular e fortalecimento na preparação física que paralelamente fazem no CT (Centro de Treinamento) sob o comando do preparador físico da equipe Nilson Manfré, o “Nilsinho”.

Ritmo acelerado

Ainda faltando de quatro a cinco peças, uma delas, um goleiro para assumir a posição de titular, o 7 de Dourados vêm ganhando ritmo de jogo para a estréia contra o Itaporã Futebol Clube às 15 horas do dia 13 de março no estádio “Douradão”. “Já mantivemos contatos com estes atletas e em breve estarão em Dourados já prontos para entrarem na competição” adiantou Elói Kruger lembrando que a diretoria do clube está dando a ele e aos seus atletas todas as condições de trabalho que é realizado em dois períodos.

No sábado passado a renovada equipe de Elói Kruger realizou um jogo treino no estádio Luiz Gonzaga Prata Braga, o “Loucão”, em Maracaju contra a equipe da casa que também se prepara para o campeonato, e empatou em 2 a 2, porém, para o técnico o resultado foi o que menos importou, e sim a movimentação dos atletas em campo. “Eles ainda estão com os freios de mão puxados e alguns ainda fora de ritmo de jogo, mais até a estréia estarão voando baixo”, analisou Elói Kruger logo após o encerramento do amistoso.

Douradão

Enquanto Elói Kruger prepara a equipe com a sua comissão técnica, o estádio “Douradão” vem passando por adequações que foram exigidas pelo MPE (Ministério Público Estadual) baseado pelo Estatuto do Torcedor para que ele seja liberado para que o 7 de Dourados possa mandar seus jogos em casa. “Sem duvida alguma só temos que agradecer o empenho da ex-prefeita Délia Razuk e agora do Murilo Zauith em estar colocando o nosso estádio em dia para que possamos mandar nossos jogos em casa. Com uma equipe forte e vencedora, tenho certeza que a nossa torcida vai voltar a freqüentar a arquibancada do Douradão e com isso todos sairão ganhando” disse o presidente Benjamim Barbosa acrescentando que além da força da torcida, ele e a sua diretoria esperam também pelo apoio dos empresários da cidade, já que a folha de pagamento do 7 de Dourados nesta temporada é grande, todavia, a esperança da conquista do titulo também é bem maior.