Menu
Buscarsábado, 13 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
25°C
Futebol

Briga por topo "antecipa" jogo entre Corinthians e São Paulo

21 março 2011 - 16h17Por Redação Douranews, com UOL Esportes

O jogo contra o Americana sequer tinha terminado neste domingo, o Corinthians defendia a vitória magra e das arquibancadas do Pacaembu partiu o grito “vai pra cima deles, Timão”, em referência ao rival tricolor. Em Presidente Prudente, após o São Paulo sofrer para vencer, o capitão Rogério Ceni já falava do arquirrival e elogiou a evolução após traumática eliminação na Pré-Libertadores.

Com uma semana de antecedência do clássico de domingo, na Arena Barueri, as duas equipes já vivem o clima do duelo. Isso porque ganhou elementos especiais: a disputa acirrada na liderança do Campeonato Paulista, a forte rivalidade e um longo tabu.

Corinthians e São Paulo brigam pelo topo do torneio estadual. As duas equipes somam 31 pontos e o time do Morumbi leva vantagem apenas no número de vitórias: 10 contra 9. Em terceiro, aparece o Palmeiras com 29 pontos.

Mais do que a liderança, o clássico reserva um longo tabu de 11 jogos. Desde fevereiro de 2007, o Corinthians não perde para o São Paulo. A partir daí, foram sete vitórias dos alvinegros e quatro empates.

São Paulo e Corinthians chegam com vitórias magras nas vésperas do encontro, ambas por 1 a 0, sobre Grêmio Prudente e Americana, respectivamente. As posições na tabela ainda podem se alterar. Na próxima quarta-feira, a equipe tricolor visita o Paulista em Jundiaí. No mesmo dia, o rival recebe o Oeste.

Na saída do gramado em Presidente Prudente, o capitão Rogério Ceni elogiou a evolução do arquirrival. “Não sei quem vai estar na frente. Tem de ser um grande jogo. O Corinthians veio de uma eliminação na Libertadores, mas se reformulou e continua sendo um time competitivo”, comentou o camisa 1.

Já o técnico do Corinthians Tite adotou um discurso clássico, minimizou a importância do clássico e disse que está focado na partida contra o Oeste.

Deixe seu Comentário

Leia Também