Menu
Buscarquinta, 18 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
20°C
Mundo

Forças pró-Qathafi avançam rumo a porto controlado por rebeldes

07 março 2011 - 15h31Por Redação Douranews, com Reuters
Forças leais a Muammar Al Qathafi avançavam na segunda-feira para o porto de Ras Lanuf, sob controle dos rebeldes, num contra-ataque que forçou a fuga de moradores e levou os rebeldes a esconderem suas armas no deserto.

O Exército líbio movimentava-se para o leste por uma rodovia estratégica às margens do Mediterrâneo, indo da cidade reconquistada de Bin Jawad rumo a Ras Lanuf, situada a cerca de 60 quilômetros de distância, onde há um importante complexo petrolífero, disseram testemunhas à Reuters.

Um correspondente da Reuters viu as forças de Qathafi cerca de 5 quilômetros a leste de Bin Jawad na noite de domingo, sugerindo que as tropas do líder líbio avançavam de forma lenta, mas constante.

"Fui até Bin Jawad e cerca de 20 quilômetros antes de chegar vi as forças de Qathafi, um grande caminhão, veículos do Exército e um caça; eles vinham lentamente nesta direção", disse o motorista Ahmed al-Araibi à Reuters.

"Vi caminhões do Exército pela frente, eu estava a cerca de 20 quilômetros de Bin Jawad", disse Khalifa Saad, que também é motorista. Outra testemunha disse que vários caminhões seguiam para Ras Lanuf.

Um caça líbio sobrevoou os rebeldes em Ras Lanuf, provocando uma chuva de disparos. Os rebeldes gritavam: "Allahu Akbar!" (Deus é grande).

Um morador afirmou: "Acredito que esses jovens estão prontos para morrer, mas eles não farão diferença. Veja como eles estão disparando contra o avião. Eles não têm experiência."

Outro morador disse para os rebeldes voltarem para casa e não levarem o confronto para perto dos terminais de petróleo. Uma testemunha da Reuters viu não mais que cerca de 200 rebeldes em Ras Lanuf, mas não estava claro quantos estariam nas imediações.

A tomada de Ras Lanuf representou uma importante vitória para os rebeldes na sexta-feira, mas o avanço deles rumo à cidade natal de Qathafi, Sirte, pela rodovia que vai até Trípoli foi contido em Bin Jawad, onde os rebeldes recuaram ao serem atacados.