Menu
Buscarquarta, 17 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
16°C
Última Notícia

Chilenos conhecem processo produtivo da Vale em Corumbá

23 março 2011 - 11h08Por Redação Douranews, com Assessoria
Acompanhada por equipe do Senai, a delegação de Atacama conheceu até a mina subterrânea da mineradora

Dentro da programação do segundo dia da visita da delegação chilena do Estado de Atacama a Mato Grosso do Sul, o grupo visitou, na manhã desta terça-feira (22/03), o complexo de Corumbá da Vale Mineração. Acompanhados pelo gerente do CetecSenai Corumbá, Marcos Costa, os chilenos conheceram de perto o processo produtivo da empresa, incluindo a mina subterrânea e ficaram satisfeito com a segurança adotada pela mineradora.

Segundo Marcos Costa, a delegação do Estado de Atacama, liderada pela governadora Ximena Matas Quilodrán, ficou impressionada com a linha de produção do complexo minerador da Vale em Corumbá. “Eles disseram que a produção é diferente da realizada pelas mineradoras chilenas, principalmente na forma de beneficiamento do minério extraído. Além disso, a governadora elogiou os equipamentos de segurança utilizados, bem como os trajes dos funcionários da empresa”, informou.

chilenos_1

Ximena Quilodrán fez questão de perguntar ao gerente do CetecSenai Corumbá e ao gerente de planejamento de curto prazo da Vale na cidade, Vagner Urzedo, como era a sinergia da mineradora com a entidade de qualificação profissional. “Fico feliz em saber que os dois supervisores da mina são da primeira turma de técnico em mineração formada pelo Senai de Corumbá. Isso serve para comprovar que o trabalho do Senai está de acordo com a demanda da Vale”, declarou.

Interesses

Na tarde de ontem (21/03), a delegação do Governo de Atacama, que está no Estado negociando uma parceria de capacitação de mão-de-obra para atender a demanda da região chilena nas áreas de mineração e energia renovável, ficou impressionada com a estrutura e o modelo de qualificação do CetecSenai Corumbá. Segundo o gerente do CetecSenai Corumbá, os chilenos conheceram toda a estrutura da unidade, incluindo o novo bloco que abriga 12 salas de aulas que estão sendo utilizadas pelos cursos de qualificação e técnico nas áreas de mecânica, química, mineração, eletrotécnica e segurança do trabalho.

Ele explicou ao grupo que tudo que a unidade do Senai desenvolve tem o suporte das empresas instaladas no município, desde a demanda por cursos até a indicação de parte dos alunos. Para a governadora Ximena Quilodrán, a intenção é conhecer a expertise do Senai na área de qualificação de mão-de-obra para que possamos aplicar em Atacama. “Esse modelo de atuação em conjunto com as indústrias e a metodologia adotada pelo Senai é muito interessante”, analisou ao fim da visita ao Senai e início da visita ao Sesi de Corumbá, onde conheceu a infra-estrutura da unidade.

Já durante reunião no 6º andar do Edifício Casa da Indústria na manhã de ontem o Sistema Fiems e o Governo de Atacama iniciaram as negociações para firmar uma parceria de qualificação de mão-de-obra para atender a demanda da região chilena nas áreas de mineração e energia renovável. O diretor-corporativo da Fiems e diretor-regional do Senai, Jaime Verruck, explicou que nos próximos anos o Estado de Atacama vai receber quase US$ 20 bilhões em investimentos em mineração e produção de energia renovável e necessita de profissionais capacitados para atender as empresas que vão operar nessas duas áreas de atuação na região.

Deixe seu Comentário

Leia Também