Menu
Buscarsexta, 01 de março de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
33°C
Geral

Procuradores dos EUA acusam presidente de Honduras de trabalhar com o narcotráfico

09 janeiro 2021 - 17h35

Procuradores federais dos Estados Unidos protocolaram documentos acusando o presidente de Honduras, Juan Orlando Hernández, de receber propinas de traficantes do país, além de usar o exército do país para proteger laboratórios e carregamentos de cocaína que foram enviados para os EUA. Identificado como co-conspirador 4 nos documentos, os procuradores afirmam que Hernández disse querer "'enfiar as drogas nos narizes dos gringos' ao inundar os Estados Unidos com cocaína". O presidente de Honduras nega qualquer ligação com o narcotráfico apesar de seu irmão, Juan Antonio Hernandez, ter sido condenado por tráfico. Hernández, que é presidente desde 2013, afirma que está sendo falsamente acusado por traficantes que querem vingança contra ele por lutar contra as drogas em Honduras. Ele coopera com o governo de Donald Trump ao coibir imigrantes que tentam entrar nos Estados Unidos e é considerado um "parceiro valioso em promover a segurança e prosperidade na América Central".

Deixe seu Comentário

Leia Também