Menu
Buscarquinta, 23 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
33°C
cmd nao
Dourados

Salve pede ajuda para manter ações de apoio ao DOF

21 setembro 2017 - 21h56

A diretoria da Salve (Sociedade Amigos da Liberdade, Vigilância e Esperança), entidade que apoia as ações do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) em Dourados, custeando as despesas com alimentação, serviços prestados por funcionários como a cozinheira do ‘rancho’ e até de guincho dos veículos apreendidos na região de fronteira com o contrabando de drogas, está pedindo empenho da sociedade no sentido de poder manter essas atividades.

O DOF funciona em prédio construído e mantido pela Salve, cedido em comodato para o Estado de Mato Grosso do Sul desde 1994, porém, o Governo ainda não assumiu os compromissos com essas despesas. De acordo com o presidente da Salve, contabilista Milton Carlos Luna, desde 2009 a Sociedade possui um terreno, doado pela Prefeitura, para a construção da sede própria do Departamento de Operações de Fronteira.

“No ano passado realizamos uma ação entre amigos e arrecadamos fundos suficientes para a reforma da cozinha e construção de mais três salas na sede utilizada pelo DOF, mas, esperamos pelo cumprimento do compromisso assumido de liberação dos R$ 5 milhões para a sede própria”, disse Milton Luna. Diariamente, são servidas mais de 100 refeições ao efetivo do Departamento que, somente neste ano, já apreendeu mais de 80 toneladas de maconha e produtos de descaminho e contrabando, sob o comando do coronel Hadad.

Deixe seu Comentário

Leia Também