Menu
Buscarquinta, 18 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
15°C
Polícia

General boliviano é preso no Panamá por narcotráfico

26 fevereiro 2011 - 16h57Por Redação Douranews, com Reuters

O general René Sanabria Oropeza, ex-chefe do serviço de combate às drogas e atual assessor de Inteligência do governo do presidente boliviano, Evo Morales, foi preso no Panamá por narcotráfico e entregue aos Estados Unidos, informou nesta sexta-feira um oficial da polícia panamenha.

"Há dois dias, foi detido aqui no Panamá graças ao esforço conjunto da Polícia Nacional e da agência antidrogas dos Estados Unidos (DEA)", disse o oficial, que pediu para não ser identificado.

"Este senhor, com patente de general, chamado René Sanabria Oropeza, foi entregue às autoridades americanas e neste momento está na cidade de Miami, sob a custódia americana".

"Sua prisão foi uma operação realizada pelos Estados Unidos em coordenação com o governo panamenho (...) Havia uma ordem internacional de captura".

Em La Paz, o ministro boliviano do Interior, Sacha Llorenti, confirmou que "fontes diplomáticas [do Panamá] informaram a prisão do general da reserva da Polícia René Sanabria Oropeza, que trabalha no Centro de Inteligência do Ministério".

O general Sanabria ocupou entre 2007 e 2008 a chefia da Força Especial de Combate ao Narcotráfico, o mais elevado cargo na repressão ao tráfico e à produção de drogas na Bolívia.

Atualmente, Sanabria é assessor de Inteligência do Ministério do Interior.

Segundo Llorenti, o general partiu do país há alguns dias, em vôo charter, "sem a autorização de seus superiores", o que constitui um "fato irregular".

O ministro revelou que como conseqüência do incidente no Panamá outros cinco policiais foram detidos na Bolívia, e que uma "investigação está em andamento".