Menu
Buscarsábado, 13 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
25°C
Polícia

Justiça do RJ condena universitária que planejou roubo do carro da própria mãe

24 fevereiro 2011 - 19h34Por Redação Douranews, com Folha.com

A Justiça do Rio de Janeiro condenou nesta quinta-feira (24) uma estudante de direito a sete anos de prisão por ter planejado, junto com o namorado, o roubo do carro de sua própria mãe. Segundo denúncia do Ministério Público, o crime ocorreu na noite do dia 12 de agosto de 2009, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

A mãe da estudante foi abordada, a 300 metros de sua casa, por dois homens que estavam em uma moto. A dupla levou o veículo, o celular e a carteira da vítima.

Gravações telefônicas confirmaram que a estudante tramou o roubo do veículo Fiat Palio. O juiz Richard Robert Fairclough, da 6ª Vara Criminal de Nova Iguaçu, decretou a prisão cautelar da jovem. Os demais envolvidos já estão presos.

Também foram condenados o namorado dela e os dois homens que abordaram a mãe. A estudante, na época com 19 anos, era estagiária da Prefeitura de Mesquita, também na Baixada Fluminense.

Segundo o juiz, o casal foi responsável pelo planejamento do roubo: o namorado foi quem contatou os outros dois homens e a estudante passou “todas as informações ao grupo, indicando qual seria o melhor dia, hora e local para a execução do roubo”.

Em sua decisão, o magistrado considerou o “alto grau de censurabilidade e reprovabilidade” do comportamento de jovem, que “ao mesmo tempo em que sincroniza a ação do roubo, fala com a vítima, sua mãe, se despedindo, e ainda pede para que a mesma traga um doce da festa.” Para o magistrado, a estudante agiu de forma dissimulada, ardilosa e não demonstrou preocupação ou arrependimento, afirma nota do Tribunal de Justiça.

Deixe seu Comentário

Leia Também