Menu
Buscarquarta, 12 de junho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
29°C
unigran24
banner100
RECORDE

Índio de Dourados disputa Governo pelo PCO

Agora são oito candidatos disputando no Estado

09 agosto 2022 - 14h52Por Redação Douranews

O PCO (Partido da Causa Operária) decidiu lançar o indígena da etnia Guarani Kaiowá de Dourados, Magno Souza, como candidato ao governo de Mato Grosso do Sul. Em convenção realizada em Dourados na sexta-feira (5), a legenda escolheu ainda Carlos Martins como vice na chapa.

Companheiro de chapa de Magno, Martins é professor do curso de História da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). O partido não indicou nenhum candidato nem ao Senado e nem à Assembleia Legislativa. Haverá apenas um candidato a deputado federal, o presidente estadual do partido, Thiago Assad.

Magno mora na comunidade Aratikuty, área de retomada na região da Reserva Indígena de Dourados. Os indígenas reivindicam essa área como parte do território tradicional. O candidato vai usar como um dos temas principais da campanha os ataques aos povos indígenas.

Oito candidatos

Recorde na história de 45 anos do Estado, Mato Grosso do Sul tem, agora, oito postulantes ao Governo: Adônis Marcos (PSOL); André Puccinelli (MDB); o Capitão Contar (PRTB); Eduardo Riedel (PSDB); Giselle Marques (PT); Marquinhos Trad (PSD), Rose Modesto (União) e Magno Souza.

Para o Senado, concorrem Anízio Tocchio (PSOL), Luiz Henrique Mandetta (União), Odilon de Oliveira (PSD), Tereza Cristina (PP) e Tiago Botelho (PT).

Deixe seu Comentário

Leia Também