Menu
Buscardomingo, 16 de junho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
22°C
unigran24
banner100
CONVENÇÕES

Rose Modesto abre agenda de definições

Pré-candidatos definem datas para dar a largada na disputa

17 julho 2022 - 13h59Por Redação Douranews

O União Brasil dá a largada, oficialmente, no processo da sucessão estadual em Mato Grosso do Sul, começando justamente por Dourados, território eleitoral dos mais emblemáticos, por conta da complexidade dos interesses de uma região que congrega cerca de 950 mil habitantes e responsável, nas urnas do dia 2 de outubro, pela apresentação de, pelo menos, um terço do eleitorado do Estado.

A pré-candidata a governadora do partido, deputada federal Rose Modesto, vai permanecer dois dias na cidade, entre quarta (20) e quinta-feira (21), quando participa, inclusive, da inauguração oficial do comitê do UB no Município, e deve confirmar a escolha do futuro companheiro de chapa na disputa eleitoral para desmistificar o tabu de que, até agora, na história de 45 anos do Estado, nenhuma mulher chegou ao cargo máximo.

O nome do empresário e advogado Luis Roberto Martins de Araújo desponta entre os indicados, se a escolha recair sobre a formação de chapa própria. Corre por fora o presidente estadual do Podemos, engenheiro Sergio Murilo. E há, ainda, uma articulação interna do União Brasil que defende a permanência do atual vice-governador Murilo Zauith no posto, reivindicação das bases que reconhecem o perfil empreendedor como ideal para agregar valor à chapa de Rose.

Mais convenções

O segundo a definir o desejo de concorrer às eleições deste ano a ser confirmado na disputa para o Governo será o bacharel em Direito Adonis Marcos, pré-candidato anunciado pela federação PSOL-Rede, que também ainda precisa definir o vice, em convenção marcada para o sábado (23) na Câmara Municipal de Campo Grande.

O ex-prefeito da Capital, Marquinhos Trad (PSD) realiza convenção junto com o Patriotas, presidido no Estado pelo deputado Lídio Lopes (marido da atual prefeita Adriane) no dia 30 e também ainda não definiu o candidato a vice na chapa. Há especulações em torno do nome do vereador douradense Daniel Junior.

Também no dia 30, a Federação PT, PV e PCdoB deve confirmar o nome da candidata Giselle Marques (PT), se até lá o grupo resistir ao assédio dos Trad que deseja atrair simpatizantes do projeto nacional do ex-presidente Lula na disputa regional.

Em agosto, até o dia 5, o deputado Capitão Contar deve confirmar a chapa própria com Beto Figueiró pelo PRTB. No dia 5 de agosto, também, André Puccinelli confirma a candidatura a um novo mandato pelo MDB e o PSDB realiza convenção junto com o PP para confirmar Eduardo Riedel como candidato oficial do governador Reinaldo Azambuja e a ex-ministra Tereza Cristina ao Senado. Tanto André como Riedel ainda procuram vices.

Deixe seu Comentário

Leia Também