Menu
Buscarquinta, 23 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
23°C
cmd nao
Saúde

Comissão de captação de órgãos para transplante do HU comemora resultados

29 dezembro 2016 - 11h16

A Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes do HU (Hospital Universitário) da Universidade Federal da Grande Dourados avalia que 2016 foi um ano de programação intensa, muito trabalho e bons resultados, como demonstrado no relatório anual divulgado esta semana.

Só no primeiro trimestre, além da recomposição da Comissão, elaboração e publicação do Regimento Interno, o grupo ainda participou de seminário na Escola Imaculada Conceição, onde a coordenadora da Comissão, Mirna Matsui, falou a alunos do Ensino Médio sobre “Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante”.

No segundo trimestre, a Comissão aprofundou a capacitação dos membros, inclusive com a participação em um curso realizado em Campo Grande. Também foi elaborado o fluxograma do processo de captação de córneas e doação de órgãos e tecidos para transplante, incluindo a realização de um “piloto” do serviço de captação de córneas.

Encerrando o terceiro trimestre de 2016, e marcando o mês em que se comemora o Dia Nacional da Doação de Órgãos (27 de setembro), a Comissão iniciou efetivamente a triagem dos óbitos e oferta do serviço de captação de córneas, que funciona 24 horas por dia. Também teve início a notificação de pacientes com possível diagnóstico de Morte Encefálica na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital da Vida.

Setembro teve ainda a primeira edição do Curso de Capacitação sobre o Processo de Doação e Captação de Órgãos e Tecidos para Transplante, ofertado para a comunidade interna do HU, com 61 profissionais inscritos. O curso foi reeditado em novembro, com 50 inscritos. Também em novembro, foram realizadas palestras na Escola Municipal Professora Efantina de Quadros, apresentando o tema “Doação de Órgãos e Tecidos” a alunos do 6º e do 9º ano do Ensino Fundamental.

De acordo com o relatório anual, a Comissão de Captação de Órgãos do HU encerrou 2016 com um total de seis pares de córneas captadas e acompanhamento e notificação de sete pacientes com suspeita de Morte Encefálica. “Foi um ano de muito trabalho e obtivemos resultados bastante satisfatórios”, comentou a coordenadora da Comissão, Mirna Matsui.

Deixe seu Comentário

Leia Também