Menu
Buscarsegunda, 27 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
13°C
Saúde

Mais de 15 mil brasileiros estudam Medicina no Paraguai

13 novembro 2016 - 10h40

A cidade de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, possui uma população estimada de 150 mil habitantes, e já conta com sete universidades de medicina; atualmente, é um polo dessa especialidade na fronteira brasileira com a cidade de Ponta Porã, convergindo em torno de 15 mil acadêmicos.

Fazer medicina no exterior é um sonho de grande parte de estudantes, contudo questões de migração agora é mais fácil porque o governo do Paraguai faz de três a quatro mutirões por ano devido à grande quantidade de alunos que procuram regularizar a sua documentação. É recomendável que interessados em estudar medicina se apoiem em contratar uma assessoria acadêmica, para assim que esteja no país permanecer focado apenas nos estudos.

A Universidade que vem se destacando, segundo alguns acadêmicos, é a UCP (Universidade Central Del Paraguai), com uma grade curricular que segue os padrões do Mercosul, atraindo um contingente de alunos que estão procurando a instituição principalmente devido ao valor de 640 reais mensais e uma excelente estrutura. A demanda de preço favorece o mercado consumidor em tempos de crise.

A Universidade Central Del Paraguai convalida matérias básicas cursadas em carreiras como Odontologia, Farmácia e Bioquímica, Biomedicina, Fisioterapia e Enfermagem. A duração total do curso é de 6 anos, distribuídos em mais de 10 mil horas. O início das aulas será no dia 1 de fevereiro de 2017. Mais informações podem ser obtidas via WhatsApp pelos telefones +595983798050 (do Paraguai) e brasileiro 67 996770757, ou ainda pelo e-mail [email protected].