Menu
Buscardomingo, 19 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
15°C
Dourados

Murilo entrega obra no João Paulo II que prefeitos evitavam fazer

20 novembro 2016 - 19h58

Considerada uma das obras de infraestrutura mais emblemáticas de Dourados, o prefeito Murilo Zauith (PSB) entregou na manhã deste sábado (19) a pavimentação e drenagem do bairro João Paulo II. Os moradores destacaram que o prefeito teve coragem para realizá-la, já que se tratava de uma obra demorada, difícil, cara e alvo de reivindicação antiga da comunidade. “Entrou prefeito, saiu prefeito, entrou secretariado, saiu secretariado, e ninguém tinha coragem para resolver. A gente chegava no representante, falava do problema, mas eles diziam que não conseguiriam executar e a gente acredita que é porque era uma obra muita cara e muito difícil. As pessoas [que moram no bairro] ficavam indignadas e chegaram a não acreditar que isso um dia seria realizado”, conta o presidente da associação de moradores do bairro, José Alves Pereira, conhecido como “Pelezinho”.

Ele lembra que, assim como para outros prefeitos, os moradores levaram a reivindicação ao Murilo. “Foi muito esforço do prefeito, muita competência para a realização dessa obra para o nosso povo. Hoje as pessoas aqui têm condição ideal para sobreviver. Isso aqui é um sonho e todos estão felizes com o que foi feito”, complementa.

A obra é considerada emblemática pelas condições em que estava o local. Diferente de outros pontos da cidade, no bairro João Paulo II haviam lajes grandes de pedra com longa extensão que precisaram ser quebradas para a instalação da tubulação que faz parte das obras de drenagem. Além disso, esta tubulação instalada é maior do que o comum para dar vazão à água. Foram necessários quase dois anos somente para fazer esse trabalho.

No bairro, também há água de minas que antes corriam a céu aberto, se juntando ao esgoto. A área estava sempre alagada, sendo que quando chovia a água seguia para dentro das residências. “Cansei de acordar meia noite com água no joelho dentro de casa”, complementa ‘Pelezinho’. Pelo menos 50 famílias eram impactadas constantemente pelo problema, conforme dados da Defesa Civil. O vice-presidente da associação de moradores, Everaldo Pereira, lembra que na esquina da casa dele tinha uma vala que cabia um carro dentro e muitas vezes, no passado, sentiu vergonha de convidar pessoas para visitá-lo, pois não era possível chegar com veículo na residência. “A pessoa tinha que vir a pé, pular valeta e brejo para chegar”, relata. “Eu acredito que poucos prefeitos tem a coragem de fazer o que você [Murilo] fez, que é colocar milhões de reais gastos nestas ruas, porque o que está dentro da terra ninguém consegue ver. Só sabe quem está aqui hoje e viu o que você fez. É a realização de um sonho”, complementa Pereira.

O prefeito lembrou que foi necessária persistência e trabalho conjunto para que essa obra fosse executada. Mas, lembrou que assumiu a administração municipal para levar os serviços públicos e melhorias para os que mais precisam, incluindo estes moradores que viviam há muitos anos nesta situação crítica.

“Fui eleito para que todos tenham cidadania, se sintam mais douradenses, para todos os que precisam do serviço da administração pública, como essa região”, afirmou o prefeito. A obra foi realizada em sua maioria com recursos municipais e uma parte de investimento do Governo Federal. Além da cerimônia de entrega da obra de pavimentação e drenagem, também houve atividades para os moradores do bairro neste sábado, envolvendo as crianças, com sorteio de brindes, personagens infantis, entre outros.

Deixe seu Comentário

Leia Também