Menu
Buscarsegunda, 22 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
31°C
Economia

Bolsa Família tem reajustes de até 45%, anuncia Dilma Rousseff

01 março 2011 - 18h45Por Redação Douranews, com G1

A presidente Dilma Rousseff assinou hoje (1º) um decreto que reajustou em até 45% os benefícios pagos a famílias pobres pelo programa Bolsa Família. Ela anunciou o reajuste em discurso durante visita ao município de Irecê (BA). O reajuste ampliará em R$ 2,1 bilhões a despesa com o programa, informou a presidente.

Segundo Dilma, o benefício que será reajustado em 45% é o que é pago a famílias com crianças e adolescentes de até 15 anos.

O benefício básico, destinado a famílias com renda mensal por pessoa de até R$ 140, passa de R$ 68 para R$ 70 (o menor reajuste, de 2,9%).

O benefício pago a famílias com adolescentes de 16 e 17 anos será reajustado em 15,2%, passando de R$ 33 para R$ 38.

Com a correção anunciada por Dilma, o menor valor pago pelo programa passa de R$ 22 para R$ 32 e o maior, de R$ 200 para R$ 242.

A presidente afirmou que o reajuste do Bolsa Família é o "primeiro passo" do Programa de Erradicação da Miséria anunciado por ela no início do ano.

O reajuste é o primeiro desde 2009. Segundo Dilma, não foi feito antes porque 2010 foi ano eleitoral. "A gente não faz política com o Bolsa Família em ano de eleição", declarou.

O aumento dos valores mensais pagos pelo programa do governo federal a famílias de baixa renda era uma promessa de campanha de Dilma, reiterada na primeira entrevista dela após o segundo turno da eleição presidencial.

A escolha da Bahia para ser palco do anúncio do reajuste se deveu, segundo o governador Jaques Wagner, ao fato de o estado com o maior número de famílias (1,6 milhão) beneficiárias do programa de distribuição de renda.

Dilma participou de cerimônia de comemoração do início do “Mês da Mulher: Trabalho e Cidadania”. O evento abre as comemorações pelo Dia da Mulher, que é na próxima terça-feira (8). Antes de discursar, a presidente assistiu a uma apresentação folclórica.

Mais cedo, ao lado do governador da Bahia, Jaques Wagner, ela visitou a Feira Feminista e Solidária do Programa de Organização de Mulheres Rurais (POMR). Criado pelo governo federal em 2007, o POMR tem o objetivo de fortalecer o trabalho feminino rural.

Deixe seu Comentário

Leia Também