Menu
Buscarsexta, 24 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
19°C
cmd nao
Política

Vereadores de Dourados recebem orientação do Tribunal de Contas

30 novembro 2016 - 17h07

Vereadores eleitos e reeleitos para a Câmara de Dourados participaram na manhã de segunda-feira (28), na sede do TCE-MS (Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande, de uma orientação para uma boa gestão, denominada “E agora, Prefeito (a)?”.Prefeitos e vereadores de todo o Estado foram convidados pelo Tribunal.

Para o vereador Idenor Machado (PSDB), presidente da Câmara, o evento é importante como forma de preparar bem o vereador para exercer a sua função com responsabilidade. “Foi muito positivo o evento; é uma forma de preparar o vereador para exercer bem a sua função e cuidar do dinheiro público”, afirma Idenor.

Para o vereador Alan Guedes (DEM), vários assuntos importantes foram discutidos sobre o controle externo das contas públicas. Ele destaca a qualidade do corpo técnico do Tribunal hoje, qualificado para atuar em todas as áreas. Sobre os assuntos discutidos, ele ressaltou o que trata da coleta e destinação adequada dos resíduos sólidos.

O vereador Pedro Pepa (DEM) lembra que muitas das obrigações da Câmara de Vereadores hoje é assumida pelo Tribunal de Contas. “Há 28 anos o Tribunal cumpre um papel que não é dele, mas com as novas mudanças, o vereador terá que assumir mais obrigações”, informa Pepa.

A orientação ao gestor público já no início de mandato é classificada pelo presidente do TCE-MS, conselheiro Waldir Neves, como um momento histórico. Ele disse ainda que a capacitação serve de modelo para outros Tribunais de Contas do Brasil. “Um acontecimento que marca mais um avanço na política de relacionamento do Tribunal de Contas com os jurisdicionados, consolidando o compromisso de atuar, cada vez mais, de forma pedagógica, efetiva e preventiva”, diz Waldir.

O conjunto de palestras tratou desde a função constitucional do Tribunal de Contas, do processo de modernização da Instituição e das ações que estão sendo desenvolvidas, de orientações para os municípios, com vistas às corretas aplicações do dinheiro público, e que garante à sociedade acompanhar a gestão com plena transparência.

Deixe seu Comentário

Leia Também