Menu
Buscarquinta, 23 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
23°C
cmd nao
Sidrolândia

Mulher diz que filha não vai ficar com 'preto macaco' e caso para na polícia

18 novembro 2016 - 18h15

Caso de racismo foi denunciado para investigação na Polícia Civil de Sidrolândia. Mulher teria chamado rapaz de ''preto, macaco e pé rapado”, ao se referir que não autorizaria a filha namoro com ele. O episódio aconteceu ontem.

O rapaz declarou para policiais que chegava na casa onde mora, no Centro da cidade, quando encontrou a vizinha, de 25 anos, conversando com a mãe e avó. Ao passar pelo grupo, a mãe da jovem teria dito: “você não vai ficar com esse preto, macaco, pé rapado”.

Depois da ofensa, que seriam frequentes, de acordo com a vítima, o caso foi denunciado à polícia. Inquérito por injúria foi aberto para investigação.

DIA DE HOMENAGEM

O episódio de racismo aconteceu a poucos dias da data dedicada à Consciência Negra, no domingo (20). A data surgiu para lembrar o quanto os negros sofreram, desde a colonização do Brasil, lutas e conquistas.

Também serve para homenagear àqueles que lutaram pelos direitos da raça e serve como momento de reflexão ao preconceito.

Deixe seu Comentário

Leia Também