Menu
Buscarquinta, 23 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
33°C
cmd nao
Dourados

Ledi já fala como secretária de Délia e se diz preocupada com cortes

04 dezembro 2016 - 11h52

Reconhecida pela dedicação ao trabalho, e pela valorização da equipe, a assistente social Ledi Ferla, atualmente ocupando o cargo de secretária municipal da área na Prefeitura de Dourados, tem quase uma certeza e uma real preocupação: está cotada para continuar à frente da pasta na administração da prefeita eleita Délia Razuk (PR) e já sabe que terá, pelo menos, 47 servidores a menos para continuar o trabalho na Semas (Secretaria de Assistência Social).

No final de semana, Ledi Ferla falou ao Douranews sobre essas duas realidades: “Ainda não fui convidada pela prefeita, mas já fui informada pelo Albino [Mendes, presidente municipal do PR, um dos coordenadores da campanha de Délia e nome forte do futuro mandato] de que deverei continuar na Secretaria, mas o que me preocupa mesmo é o quadro de pessoal, vai sair muita gente”, disse.

Os 47 servidores a que a secretária se refere compõem o quadro de contratados para reforçar no trabalho junto aos Cras e nas unidades assistenciais. Hoje a Semas possui um quadro de aproximadamente 300 funcionários, segundo ela, contabilizando também os cortes no quadro de ocupantes dos cargos de confiança.

Com um orçamento estimado em torno de R$ 21 milhões, segundo ela, para o ano que vem, Ledi diz que seriam necessários mais assistentes sociais e psicólogos, principalmente, para atender nas 23 unidades existentes na estrutura da Secretaria. Diz que a parceria com o Estado e a União continua sendo insuficiente. “O Governo Federal, por exemplo, só repassou seis parcelas dos convênios este ano”, reclama.

Na opinião da secretária e futura secretária Ledi Ferla, os Cras (Centros de Referência em Assistência Social) do Município funcionam como uma espécie de PSF (os Programas de Saúde da Família), equivalente na Secretaria de Saúde do Município. “As pessoas nos procuram para todo tipo de problema, desde um relacionamento mal resolvido, a uma doença, uma dificuldade financeira, enfim, esses espaços dos Cras são muito importantes para a vida social da cidade”.

Secretariado

As especulações em torno do anúncio oficial dos nomes que vão integrar o primeiro escalão da prefeita Délia Razuk devem ter fim na próxima semana. Ela confirmou que pretende divulgar a lista completa dos auxiliares diretos no dia da diplomação dos eleitos, em Coletiva de Imprensa que deve ocorrer na sexta-feira (16) da semana que vem.

Deixe seu Comentário

Leia Também