Menu
Buscarterça, 16 de julho de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
10°C
unigran24
Educação

Geraldo comemora entrega de primeira escola em tempo integral

19 janeiro 2017 - 17h57

As aulas da Escola Estadual Rita Angelina Barbosa Silveira, construída no Conjunto Habitacional Vila Roma II, começam no dia 13 de fevereiro em Dourados. O deputado federal Geraldo Resende (PSDB), que articulou os recursos federais em parceria com o governo do Estado junto ao Ministério da Educação para essa obra, comemora a conquista: “nova metodologia vai dar um salto de qualidade do ensino”, diz.

As obras de construção estão em fase final e nos próximos dias deverão chegar os mobiliários. O coordenador regional de Educação em Dourados, professor Nei Elias Coinethe de Oliveira, confirmou que nesta sexta-feira (20) a governadora em exercício Rose Modesto vem conhecer a nova estrutura e vai falar com a imprensa sobre a proposta inovadora de escola em tempo integral.

Sicredi

Nei Elias explica que as matrículas para o primeiro, segundo e terceiro anos do ensino médio já estão abertas e podem ser feitas pelo site www.matriculadigital.ms.gov.br. Fazendo parte do Programa “Escola da Autoria” será a primeira de Dourados, por enquanto, a oferecer tempo integral com estudo orientado ao futuro profissional dos alunos.

Geraldo Resende complementa que o projeto inovador vai propiciar um novo momento para os estudantes. “Com nova metodologia que será implantada ali, o aluno terá acesso à educação para construir um projeto de vida e vai desenvolver suas idéias fazendo uso constante de recursos tecnológicos. O estudo será orientado, com o estudante pensando no seu futuro profissional”.

A Escola Rita Angelina Barbosa Silveira será composta de 13 salas de aula e atenderá, inicialmente, 350 alunos, que vão entrar no local às 7h30 e permanecer até as 17 hors. Nesse período receberão dois lanches e almoço.

Luta

A conquista da nova escola para a Vila Roma em Dourados é a coroação de uma luta do deputado Geraldo Resende que vem desde 2008, quando o parlamentar encomendou levantamentos sobre o déficit escolar nas diversas regiões de Dourados e de outros municípios de Mato Grosso do Sul e os encaminhou ao governo do Estado.

Na mesma época, articulou, junto ao FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), ainda, os recursos para outras duas escolas estaduais: uma que também está em fase final de construção, no distrito de Indápolis e a outra que está sendo construída no Conjunto Dioclécio Artuzi, na área urbana do Município.

Esses estabelecimentos vão beneficiar regiões populosas que não possuem estabelecimentos de ensino médio. No total, estão sendo investidos nessas três obras em construção mais de R$ 11,5 milhões, entre recursos federais e estaduais.

Outro estabelecimento de ensino que também deverá ser ativado no primeiro semestre deste ano é a Escola do Brasil Profissionalizado, em fase final de construção em área próxima ao Parque Ambiental do Córrego Rego d’Água. Os recursos, da ordem de R$ 7,5 milhões, foram viabilizados por Geraldo Resende em parceria com o Governo do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também