Menu
Buscardomingo, 19 de maio de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
15°C
Polícia

Chefe do PCC na fronteira morre em troca de tiros com policiais do DOF

22 novembro 2016 - 13h55

O traficante Jefferson Barbosa, de 34 anos, mais conhecido como "Di Menor", um dos chefes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) na fronteira entre Brasil e Paraguai, foi morto nesta segunda-feira (21), dursnte confronto com a polícia em Coronel Sapucaia. A operação, envolvendo equipes do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) e Polícia Civil, também resultou na prisão de outros bandidos e na apreensão de três fuzis 556 e uma espingarda calibre 12, conforme informações divulgadas pelo setor de comunicação do DOF.

armas sapucaia

Fuzis, munições e pistolas foram apreendidas durante a operação contra o tráfico

De acordo com o DOF, a operação, realizada em conjunto com a Polícia Militar da região, resultou, ainda, na prisão de outras três pessoas, duas de posse de fuzis. Na sequencia, os policiais identificaram a pessoa conhecida como "Di Menor”, saindo pelo telhado, atirando contra a guarnição e adentrando em uma residência vizinha. Foi realizado um novo cerco policial, sendo que durante a entrada tática, Di Menor ficou acuado em um dos cômodos da residência de posse de uma espingarda calibre 12, com a qual voltou a disparar contra os polícias. Na troca de tiros, o marginal levou a pior e foi morto. Ele ainda foi socorrido até o hospital de Coronel Sapucaia.

Deixe seu Comentário

Leia Também