Menu
Buscarquinta, 18 de abril de 2024
(67) 99913-8196
Dourados
16°C
José Tibiriçá Martins Ferreira

PSD foi fundado na década de 50 na Picadinha

03 abril 2024 - 13h55Por Redação Douranews

No momento em que o prefeito de São Paulo Gilberto Kassab saiu do DEM para criar o PSD (Partido Social Democrata), retiro da gaveta um livro ata da década de 1950 que comprova a existência de um partido com o mesmo nome em Dourados. Ainda guardo como herança do meu pai Abílio Ferreira o livro de atas do PSD.

Datada de oito de setembro de 1954, quando tinha apenas três anos de idade, consta a fundação do subdiretório do PSD chamado na época de Partido Social Democrático, no distrito tendo Abílio como um dos dirigentes locais. O partido foi fundado com o apoio do advogado Weimar Gonçalves Torres que foi vereador em 1954, deputado federal vindo a falecer em setembro de 1969.

A criação do PSD pelo prefeito Kassab mesmo não tendo nenhuma ligação com o antigo PSD fundado em 17 de julho de 1945 e extinto pelo AI 5 (Ato Institucional) em 27 de outubro de 1965 durante a Ditadura Militar que comandou o País “é importante para oxigenar a democracia”.

O PSD vai criar oportunidades para muitas lideranças políticas que não encontravam espaço para crescer e disputar eleições.

Guarda ainda um broche com a face do então senador Filinto Muller, uma das mais importantes lideranças nacionais do PSD que disputava o Governo do Estado de Mato Grosso em 1960 que esteve na Picadinha em 14 de setembro de 1960, cuja assinatura e da sua esposa Consuelo Müller estão postadas na ata.

O antigo PSD foi criado com as bênçãos do ex-presidente Getúlio Vargas, que reuniu algumas lideranças políticas nacionais para funcionar como “partido satélite” do PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) do Governo para combater a UDN (União Democrática Nacional). O antigo PSD usava o número 41.

Na Câmara Federal sempre teve a maior bancada e chegou a eleger os presidentes da República Eurico Gaspar Dutra em 1945 e Juscelino Kubitschek em 1955. Com o fim do partido em 1965, parte dos militantes fundou o MDB (Movimento Democrático Brasileiro) e outros engrossaram a ARENA (Aliança Renovadora Nacional) de cunho governista. O PSD retornou em 27 de setembro de 2011 com o número 55 e teve o registro deferido pelo Plenário do TSE no dia 27 de setembro de 2011.

Um dos lemas do partido está postado na Bandeira do Brasil: “Ordem e Progresso”, sendo um partido voltado para a produção no campo e na cidade. 

* É advogado e membro filiado do PSD em Dourados